Minhas Finanças

As ações que pagam dividendos mais indicadas para julho

Levantamento feito pelo site EXAME mostra as ações que pagam dividendos mais recomendadas pelas corretoras para este mês

As campeãs: Primeiro lugar nas recomendações de outubro fica dividido entre quatro ações (choness/Thinkstock)

As campeãs: Primeiro lugar nas recomendações de outubro fica dividido entre quatro ações (choness/Thinkstock)

Anderson Figo

Anderson Figo

Publicado em 4 de julho de 2018 às 05h00.

Última atualização em 4 de julho de 2018 às 05h00.

São Paulo – As ações da Taesa lideraram as recomendações de corretoras e bancos para julho, entre as boas pagadoras de dividendos. Os ativos das empresas foram sugeridos em cinco das 11 carteiras recebidas pelo site EXAME.

Os dividendos são uma parte do lucro das empresas distribuída entre os acionistas. Em junho, o Idiv (Índice de Dividendos da B3) caiu 4,3%, enquanto o Ibovespa, o principal índice de referência da Bolsa, teve baixa de 5,2%.

A carteira com o melhor desempenho em junho foi a da Guide, com alta de 0,7%. Já o portfólio com a pior performance foi o do Santander, que teve queda de 6,89% no período.

Veja abaixo o desempenho acumulado pelas carteiras de cada uma das corretoras em junho e em 2018:

InstituiçãoDesempenho em junhoDesempenho em 2018
Guide0,70%7,40%
Coinvalores0,20%-6,90%
Quantitas-1,84%-4,83%
Elite-2,14%-7,25%
Planner-2,67%0,08%
Ativa-4%-13,60%
XP Investimentos-4,90%-8,50%
Rico-4,95%-8,63%
Genial-5,15%-0,57%
Bradesco-5,50%-5,20%
Santander-6,89%-8,44%

Veja abaixo as ações que pagam dividendos mais recomendadas por 11 corretoras para julho: 

AçãoRecomendações
Taesa (TAEE11)5
IRB Brasil (IRBR3)4
Itaúsa (ITSA4)4
AES Tietê (TIET11)3
BB Seguridade (BBSE3)3
Engie Brasil (EGIE3)3
Telefônica Brasil (VIVT4)3
Tupy (TUPY3)3
Banco do Brasil (BBAS3)2
Banrisul (BRSR6)2
Braskem (BRKM5)2
Comgas (CGAS5)2
Equatorial (EQTL3)2
Itaú Unibanco (ITUB4)2
Klabin (KLBN11)2
MRV (MRVE3)2
Multiplus (MPLU3)2
Sanepar (SAPR11)2
Vale (VALE3)2
ABC Brasil (ABCB4)1
Alupar (ALUP11)1
Ambev (ABEV3)1
B3 (B3SA3)1
BR Distribuidora (BRDT3)1
Copasa (CSMG3)1
Copel (CPLE6)1
Energisa (ENGI11)1
Eztec (EZTC3)1
Gerdau (GGBR4)1
Grendene (GRND3)1
Hypermarcas (HYPE3)1
Localiza (RENT3)1
Metal Leve (LEVE3)1
Raia Drogasil (RADL3)1
Santander (SANB11)1
São Martinho (SMTO3)1
SLC Agrícola (SLCE3)1
Smiles (SMLS3)1
Sulamérica (SULA11)1
TIM (TIMP3)1
Transmissão Paulista (TRPL4)1
Ultrapar (UGPA3)1

Carteiras recomendadas

Veja abaixo as carteiras recomendadas por 11 corretoras para o mês de julho. Elas estão organizadas por ordem alfabética.

Ativa

Desempenho em junho: -4%
Desempenho em 2018: -13,6%
Não houve alterações na carteira.

AçãoPreço-alvo, em R$Yield estimado para 2018, em %Peso, em %
Equatorial (EQTL3)Não divulgadoNão divulgado20
Itaú Unibanco (ITUB4)Não divulgadoNão divulgado20
Klabin (KLBN11)Não divulgadoNão divulgado25
Raia Drogasil (RADL3)Não divulgadoNão divulgado20
Ultrapar (UGPA3)Não divulgadoNão divulgado15

Bradesco

Desempenho em junho: -5,5%
Desempenho em 2018: -5,2%
Ação incluída: B3.
Ação retirada: Ambev.

AçãoPreço-alvo, em R$Yield estimado para 2018, em %Peso, em %
B3 (B3SA3)29,002,920
Copasa (CSMG3)63,001420
MRV (MRVE3)19,0014,920
Taesa (TAEE11)25,0010,920
TIM (TIMP3)16,504,520

Coinvalores

Desempenho em junho: 0,2%
Desempenho em 2018: -6,9%
Ações incluídas: Sulamérica e AES Tietê.
Ações retiradas: Ambev e Transmissão Paulista.

AçãoPreço-alvo, em R$Yield estimado para 2018, em %Peso, em %
AES Tietê (TIET11)Não divulgadoNão divulgado20
IRB (IRBR3)Não divulgadoNão divulgado20
Multiplus (MPLU3)Não divulgadoNão divulgado20
Sulamérica (SULA11)Não divulgadoNão divulgado20
Tupy (TUPY3)Não divulgadoNão divulgado20

Elite

Desempenho em junho: -2,14%
Desempenho em 2018: -7,25%
Ações incluídas: Comgas e Copasa.
Ações retiradas: Bradespar e Sanepar.

AçãoPreço-alvo, em R$Yield estimado para 2018, em %Peso, em %
BB Seguridade (BBSE3)Não divulgadoNão divulgado10
Comgas (CGAS5)Não divulgadoNão divulgado10
Engie Brasil (EGIE3)Não divulgadoNão divulgado10
Eztec (EZTC3)Não divulgadoNão divulgado10
Itaúsa (ITSA4)Não divulgadoNão divulgado10
Multiplus (MPLU3)Não divulgadoNão divulgado10
Sanepar (SAPR11)Não divulgadoNão divulgado10
SLC Agrícola (SLCE3)Não divulgadoNão divulgado10
Taesa (TAEE11)Não divulgadoNão divulgado10
Telefônica Brasil (VIVT4)Não divulgadoNão divulgado10

Genial

Desempenho em junho: -5,15%
Desempenho em 2018: -0,57%
Ações incluídas: ABC Brasil, Tupy e AES Tietê.
Ações retiradas: Banrisul, Qualicorp e Cemig.

AçãoPreço-alvo, em R$Yield estimado para 2018, em %Peso, em %
ABC Brasil (ABCB4)Não divulgadoNão divulgado20
AES Tietê (TIET11)Não divulgadoNão divulgado20
BB Seguridade (BBSE3)Não divulgadoNão divulgado20
Metal Leve (LEVE3)Não divulgadoNão divulgado20
Tupy (TUPY3)Não divulgadoNão divulgado20

Guide

Desempenho em junho: 0,7%
Desempenho em 2018: 7,4%
Ação retirada: BR Distribuidora.
Nenhuma ação foi incluída na carteira.

AçãoPreço-alvo, em R$Yield estimado para 2018, em %Peso, em %
Banrisul (BRSR6)Não divulgadoNão divulgado10
Braskem (BRKM5)Não divulgadoNão divulgado20
Comgás (CGAS5)Não divulgadoNão divulgado10
Copel (CPLE6)Não divulgadoNão divulgado10
IRB Brasil (IRBR3)Não divulgadoNão divulgado20
Taesa (TAEE11)Não divulgadoNão divulgado20
Vale (VALE3)Não divulgadoNão divulgado10

Planner

Desempenho em junho: -2,67%
Desempenho em 2018: 0,08%
Ações incluídas: Engie, Klabin, Sanepar, Santander e São Martinho.
Ações retiradas: Ambev, Bradesco, Copel, Grendene e Raia Drogasil.

AçãoPreço justo, em R$Yield estimado para 2018, em %Peso, em %
Engie Brasil (EGIE3)43,00Não divulgado20
Klabin (KLBN11)22,00Não divulgado20
Sanepar (SAPR11)75,00Não divulgado20
Santander (SANB11)37,00Não divulgado20
São Martinho (SMTO3)23,00Não divulgado20

Quantitas

Desempenho em junho: -1,84%
Desempenho em 2018: -4,83%
Não houve alterações na carteira.

AçãoPreço-alvo, em R$Yield estimado para 2018, em %Peso, em %
Alupar (ALUP11)Não divulgadoNão divulgado10
Banco do Brasil (BBAS3)Não divulgadoNão divulgado15
BB Seguridade (BBSE3)Não divulgadoNão divulgado5
Braskem (BRKM5)Não divulgadoNão divulgado10
Energisa (ENGI11)Não divulgadoNão divulgado10
Grendene (GRND3)Não divulgadoNão divulgado10
Hypermarcas (HYPE3)Não divulgadoNão divulgado10
Itaúsa (ITSA4)Não divulgadoNão divulgado10
Telefônica Brasil (VIVT4)Não divulgadoNão divulgado10
Transmissão Paulista (TRPL4)Não divulgadoNão divulgado10

Rico

Desempenho em junho: -4,95%
Desempenho em 2018: -8,63%
Não houve alterações na carteira.

AçãoPreço-alvo, em R$Yield estimado para 2018, em %Peso, em %
Ambev (ABEV3)Não divulgado2,312,50
Banco do Brasil (BBAS3)Não divulgado4,512,50
Equatorial (EQTL3)Não divulgado2,312,50
Gerdau (GGBR4)Não divulgado1,612,50
IRB Brasil (IRBR3)Não divulgadoNão divulgado12,50
Itaúsa (ITSA4)Não divulgado10,912,50
Localiza (RENT3)Não divulgado2,112,50
Tupy (TUPY3)Não divulgado8,212,50

Santander

Desempenho em junho: -6,89%
Desempenho em 2018: -8,44%
Não houve alterações na carteira.

AçãoPreço-alvo, em R$Yield estimado para 2018, em %Peso, em %
AES Tietê (TIET11)14,8112,4210
Banrisul (BRSR6)28,006,0610
BR Distribuidora (BRDT3)27,005,9010
IRB Brasil (IRBR3)Em revisão4,9612
Itaúsa (ITSA4)14,706,4122
MRV (MRVE3)18,505,5512
Smiles (SMLS3)104,001,8412
Taesa (TAEE11)25,2710,7612

XP Investimentos

Desempenho em maio: -4,9%
Desempenho em 2018: -8,5%
Ações incluídas: Vale, Taesa e Engie Brasil.
Ações retiradas: Ambev, B3, Bradespar, Metalúrgica Gerdau, IRB Brasil, Localiza, MRV, Transmissão Paulista e Ultrapar.

AçãoPreço-alvo, em R$Yield estimado para 2018, em %Peso, em %
Vale (VALE3)70,00Não divulgado20
Taesa (TAEE11)24,00Não divulgado20
Itaú Unibanco (ITUB4)55,00Não divulgado20
Engie Brasil (EGIE3)40,00Não divulgado20
Telefônica Brasil (VIVT4)50,00Não divulgado20
Acompanhe tudo sobre:Açõesaplicacoes-financeirasB3bolsas-de-valoresCarteira recomendadaCorretorasInvestimentos-pessoais

Mais de Minhas Finanças

Pix com cartão de crédito: como funciona esta opção e quando é vantajoso usá-la

Receita Federal realiza leilão com iPhone 13 Pro Max 128 GB, Volkswagen Gol e mais

Nubank fora do ar? Aplicativo tem instabilidade e clientes não conseguem completar operações

Lucro do FGTS será distribuído até dia 31 de agosto; veja quem tem direito e quem pode sacar

Mais na Exame