Mercados

IMC divulga cronograma de nova tentativa de IPO

Período de reserva das ações vai de 24 de fevereiro a 1º de março; investidores de varejo só poderão comprar entre 10 e 20% do lote inicial de ações

A IMC, criada em 2006, tem cerca de 20 marcas de restaurantes no Brasil. Entre eles, a rede de restaurantes Viena (Renan Rego)

A IMC, criada em 2006, tem cerca de 20 marcas de restaurantes no Brasil. Entre eles, a rede de restaurantes Viena (Renan Rego)

DR

Da Redação

Publicado em 9 de fevereiro de 2011 às 10h58.

São Paulo - A International Meal Company (IMC), holding dona dos restaurantes Viena e Frango Assado no Brasil, tornou de conhecimento do mercado os detalhes da de sua oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) nesta terça-feira (18). O protocolo de análise da oferta foi submetido ontem à CVM (Comissão de Valores Mobiliários).

Segundo o documento, companhia prevê a distribuição primária e secundária de ações no Brasil, com esforços de colocação no exterior para investidores institucionais qualificados. O coordenador líder da oferta será o  banco BTG Pactual, enquanto o Credit Suisse e o Banco Santander serão coordenadores auxiliares. 

O prospecto esclarece ainda que os investidores de varejo poderão comprar apenas no intervalo entre 10% e 20% do lote inicial de ações. A empresa também reserva o direito de colocar lotes suplementar e adicional, os quais poderão elevar a oferta em até 15% e 20% do montante inicial, respectivamente. A oferta secundária contempla o Fundo de Investimentos em Participações (Brasil Empreendimentos). Confira o cronograma:

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

Data Evento
17/02/2011 Início do Roadshow
  Início do Procedimento de Bookbuilding
24/02/2011 Início do Período de Reserva
01/03/2011 Encerramento do Período de Reserva
02/03/2011 Encerramento do Roadshow
  Encerramento do Procedimento de Bookbuilding
  Fixação do Preço por Ação
  Início do prazo para o exercício da Opção de Lote Suplementar
04/03/2011 Início de Negociação das Ações objeto da Oferta no segmento do Novo Mercado da BM&FBOVESPA
01/04/2011 Fim do prazo para o exercício da Opção de Lote Suplementar

Nova tentativa de entrada em bolsa

Segundo a companhia, os recursos levantados com a venda das ações serão destinados a realização de investimentos em ativos para abertura de novas lojas e reformas de lojas existentes nos segmentos de aeroportos, rodovias e shopping centers, tanto no Brasil quanto nas operações internacionais da empresa. Outra fatia do dinheiro, de dimensão não detalhada, seria empregada na redução de endividamento de longo prazo da companhia com instituições financeiras.

A IMC possui uma rede de 214 restaurantes próprios no Brasil. Esta é a segunda vez que a companhia protocola pedido de abertura de capital na CVM:  em fevereiro do ano passado, a IMC cancelou sua oferta de ações na Bovespa, atribuindo a decisão às incertezas econômicas no mercado financeiro brasileiro e internacional. 

Leia mais: Embraer tem maior cotação desde 2008 com entregas

Direto da Bolsa - 1ª edição: Oi e Portugal Telecom perto de finalizar acordo

Acompanhe tudo sobre:AçõesAlimentaçãoAnálises fundamentalistasEmpresasIMCIPOsMercado financeiroRestaurantesTrigo

Mais de Mercados

Tesla (TSLA34) sobe mais de 6% após Musk dizer que está próximo de vitória em pagamento de US$ 56 bi

Inflação ao produtor nos EUA, dados do varejo no Brasil e Tesla (TSLA34): o que move o mercado

Petróleo fecha em alta, de olho estoques dos EUA e após decisão do Fed

Bolsas da Europa fecham em alta, após quedas com incerteza política e acompanhando CPI dos EUA

Mais na Exame