• AALR3 R$ 20,01 -0.30
  • AAPL34 R$ 70,99 3.76
  • ABCB4 R$ 16,93 1.62
  • ABEV3 R$ 14,23 0.14
  • AERI3 R$ 3,76 -0.53
  • AESB3 R$ 10,81 -1.01
  • AGRO3 R$ 31,09 -1.11
  • ALPA4 R$ 22,80 2.84
  • ALSO3 R$ 19,15 1.59
  • ALUP11 R$ 26,48 -0.08
  • AMAR3 R$ 2,52 -2.70
  • AMBP3 R$ 31,84 -1.58
  • AMER3 R$ 21,57 0.33
  • AMZO34 R$ 3,52 4.14
  • ANIM3 R$ 5,51 -0.72
  • ARZZ3 R$ 83,00 2.13
  • ASAI3 R$ 15,78 -1.93
  • AZUL4 R$ 20,92 -0.14
  • B3SA3 R$ 12,68 2.18
  • BBAS3 R$ 37,07 -1.04
  • AALR3 R$ 20,01 -0.30
  • AAPL34 R$ 70,99 3.76
  • ABCB4 R$ 16,93 1.62
  • ABEV3 R$ 14,23 0.14
  • AERI3 R$ 3,76 -0.53
  • AESB3 R$ 10,81 -1.01
  • AGRO3 R$ 31,09 -1.11
  • ALPA4 R$ 22,80 2.84
  • ALSO3 R$ 19,15 1.59
  • ALUP11 R$ 26,48 -0.08
  • AMAR3 R$ 2,52 -2.70
  • AMBP3 R$ 31,84 -1.58
  • AMER3 R$ 21,57 0.33
  • AMZO34 R$ 3,52 4.14
  • ANIM3 R$ 5,51 -0.72
  • ARZZ3 R$ 83,00 2.13
  • ASAI3 R$ 15,78 -1.93
  • AZUL4 R$ 20,92 -0.14
  • B3SA3 R$ 12,68 2.18
  • BBAS3 R$ 37,07 -1.04
Abra sua conta no BTG

Irlandesa VanMoof, de bicicletas elétricas, levanta US$ 128 milhões

Com o novo aporte, a startup se torna a 'empresa de e-bike mais financiada do mundo'
A meta da VanMoof é vender 10 milhões de bicicletas elétricas nos próximos cinco anos (Reprodução/Foto)
A meta da VanMoof é vender 10 milhões de bicicletas elétricas nos próximos cinco anos (Reprodução/Foto)
Por André LopesPublicado em 01/09/2021 10:51 | Última atualização em 02/09/2021 11:43Tempo de Leitura: 2 min de leitura

O setor de veículos elétricos, entre outras coisas, se consolida como parte de uma nova geração de startups promissoras. Mas não são somente os carros elétricos e motos que figuram na lista de apostas. Os investidores estão despejando dinheiro nos fabricantes de bicicletas elétricas na esperança de capitalizar no mercado global de e-bike, que deve valer quase 50 bilhões de dólares até 2028.

Um sinal disto é o mais recente aporte da irlandesa VanMoof, que acaba de arrecadar de 128 milhões de dólares em uma nova série de investimentos, tornando-a na 'empresa de e-bike mais financiada do mundo'. Atualmente, a empresa que atua principalmente na Europa, com sede em Amsterdã. afirma ter quase 200 mil bicicletas nas estradas, com o objetivo de colocar 10 milhões de pessoas para pedalar em e-bikes VanMoof nos próximos cinco anos. Essa meta de expansão agressiva exige capital significativo, e agora o caixa está cheio para dar tração à empresa.

Na lista de metas da VanMoof há a intenção de “reinventar a maneira como os componentes de hardware e software são feitos”, de acordo com o cofundador da VanMoof, Taco Carlier, em entrevista ao site The Verge. "A maior parte dos fundos irá para P&D", afirma.

Em setembro do ano passado, a empresa disse que estava usando cerca de um terço de uma outra rodada de investimento de 40 milhões de dólares para melhorar o suporte pós-venda, que enfrentou dificuldades durante o lançamento conturbado de suas e-bikes S3 e X3 durante a pandemia.

Esse dinheiro também já está sendo usado para expandir os centros de serviços dedicados da empresa de 8 para 50 cidades em todo o mundo até o final de 2021, e desenvolver uma “Rede de Bike Doctor” que envia técnicos de suporte diretamente para as localizações dos clientes quando o serviço é necessário.

A rodada de investimentos atual permitirá mais centros de serviços e lojas de marca em (algumas) mais cidades, de acordo com Carlier, ao mesmo tempo em que pagará pelo lançamento da assistência técnica das novas localidades a partir de 2022. A bicicletas da VanMoof não estão disponíveis no mercado brasileiro, e só chegam no país através de importação.

Não perca as últimas tendências do mercado de tecnologia. Assine a EXAME.