Vagas em concurso público exigem conhecimentos de criptoativos e blockchain: salário é de R$33 mil

Diretoria-Geral do Senado Federal busca por funcionários em setor que conta com poucos profissionais especializados no Brasil
Salário de vaga em concurso público chega a R$ 33 mil (SOPA/Getty Images)
Salário de vaga em concurso público chega a R$ 33 mil (SOPA/Getty Images)
M
Mariana Maria Silva

Publicado em 24/08/2022 às 11:07.

Última atualização em 24/08/2022 às 11:07.

Estão abertas as inscrições para um concurso público da Diretoria-Geral do Senado Federal com vagas para Consultor Legislativo, cujo salário pode chegar até R$ 33 mil com as gratificações. Para concorrer às duas vagas mais cadastro de reserva, são exigidos conhecimentos em criptoativos e tecnologia blockchain.

Publicado na última terça-feira, 23, o edital revela estar em busca de profissionais com diploma de nível superior em qualquer área, desde que esteja devidamente registrado e tenha sido fornecido por uma instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação.

(Mynt/Divulgação)

Sobre as vagas

No caso das vagas para Consultor Legislativo, o profissional selecionado pelo concurso será contratado para trabalhar com o assessoramento legislativo e de orçamentos, nas áreas envolvidas nas atribuições do cargo, como Análise Econômica e Tecnologia da Informação.

O funcionário público trabalharia assessorando inclusive as Mesas do Senado Federal e do Congresso Nacional sobre a tecnologia blockchain, criptoativos e outros temas relacionados aos setores econômicos e jurídicos.

O processo seletivo

Para se classificar, o candidato deverá ser o melhor aprovado em três etapas, aplicadas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV):

1. Prova objetiva: possui caráter eliminatório e classificatório;
2. Prova escrita discursiva: possui caráter eliminatório e classificatório;
3. Prova de títulos: possui caráter classificatório e avaliará os títulos do candidato, com nota máxima de 8,0 para aqueles que possuírem doutorado com tese aprovada.

“As provas objetivas e discursivas serão realizadas em todas as capitais do País, a Prova de Títulos será realizada remotamente e as etapas subsequentes serão realizadas em Brasília/DF quando o candidato optar pela realização presencial”, afirma o edital.

É no bloco de “conhecimentos específicos” em que é possível encontrar a exigência de conhecimentos sobre criptoativos e blockchain no edital. Além de conhecimentos gerais sobre a tecnologia, o concurseiro precisa entender sobre contratos inteligentes, blockchain e algoritmos no que tange os temas de Direito Econômico, Empresarial, do Consumidor e Regulação, de acordo com o edital.

Como se inscrever

Abertas desde a última terça-feira, 23, as inscrições podem ser realizadas até o dia 21 de setembro de 2022 às 16 horas. Será preciso realizar o pagamento de uma taxa no valor de R$ 94.

O prazo de validade do Concurso é de dois anos, contados da data da publicação da homologação do resultado do concurso no Diário Oficial da União, podendo ser prorrogado uma única vez, por igual período.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube | Telegram | Tik Tok