Future of Money

Preço do bitcoin pode chegar a US$ 303 mil até o próximo halving em 2028, sugerem dados históricos

Embora o halving esteja associada aos ciclos de alta do bitcoin, o atual rali é impulsionado principalmente por entradas de ETF, argumenta Hao Yang, da Bybit

. (Reprodução/Reprodução)

. (Reprodução/Reprodução)

Cointelegraph
Cointelegraph

Agência de notícias

Publicado em 5 de abril de 2024 às 10h56.

Última atualização em 5 de abril de 2024 às 11h09.

O preço do bitcoin valorizou aproximadamente 650% desde o último halving do bitcoin em 2020. Se a história se repetir, o bitcoin poderia alcançar o nível de preço de US$ 303 mil antes do halving de 2028.

Bitcoin em US$ 300 mil é possível até 2028?

O preço do bitcoin subiu cerca de 658% desde o último halving do bitcoin em 2020, segundo dados da TradingView, e atualmente está sendo negociado em torno da marca de US$ 66 mil.

O halving do bitcoin de 2024 acontecerá em menos de três semanas. Se os padrões históricos dos gráficos se repetirem, o preço atual de US$ 66 mil do bitcoin poderia alcançar US$ 434.280 por moeda até o halving de 2028, se tiver um desempenho semelhante ao do ciclo atual.

No entanto, as altas do preço do bitcoin após os halvings têm apresentado retornos decrescentes ao longo dos anos. Até o primeiro halving em 2012, o bitcoin passou de praticamente nenhum valor para US$ 12,50 — um aumento de mais de 12.400%. O preço do bitcoin saltou 5.200% para US$ 650 até o halving de 2016 e 1.200% para US$ 8,5 mil até o halving de 2020.

Assim, as médias das altas de preço do bitcoin caíram 45% a cada ciclo até os atuais 658%. Se esta tendência de retornos decrescentes se repetir, o bitcoin apresentará uma alta de 360% durante o próximo ciclo, resultando em um preço aproximado de US$ 303,6 mil por bitcoin no halving de 2028.

Halving do bitcoin ou ETFs: qual tem impacto maior?

A recente alta no preço do bitcoin não está relacionada ao próximo halving, mas é principalmente atribuída aos influxos nos fundos negociados em bolsa (ETFs) de bitcoin à vista, argumenta Hao Yang, chefe de produtos financeiros na Bybit, que disse ao Cointelegraph:

“Considerando [o] halving e as tendências de preço de um ponto de vista quantitativo rigoroso, não há evidências que suportem uma correlação positiva entre o evento de halving e o preço do bitcoin. Mas a história pode ser interpretada de muitas maneiras diferentes. Certamente espero por US$ 435 mil até 2028, mas não apostaria muito nisso.”

Um preço de seis dígitos para o bitcoin parece ainda mais possível se os ETFs de bitcoin ultrapassarem os ETFs de ouro, o que pode acontecer nos próximos dois anos, segundo um relatório de pesquisa de 26 de fevereiro do analista da Bloomberg, Eric Balchunas.

Além disso, os ETFs de bitcoin estão crescendo em um ritmo muito mais rápido do que os ETFs de ouro quando estes apareceram em 2004. Na verdade, o bitcoin está “acelerando” cinco vezes o preço do ouro, diz Sam Wouters, chefe de contato na River, que escreveu em uma postagem de 29 de março na publicação do X:

“O bitcoin basicamente está acelerando em 5x a trajetória do ouro. Os últimos dez anos do bitcoin parecem um pouco como uma versão compactada dos últimos 50 anos do ouro. Não é de admirar que algumas pessoas fiquem salgadas.”

Faça o seu dinheiro crescer! Invista em criptomoedas com a Mynt e comece a lucrar hoje mesmo.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube Telegram | Tik Tok  

Acompanhe tudo sobre:BitcoinCriptomoedasCriptoativos

Mais de Future of Money

Gigantes de Wall Street "financiam a poluição do bitcoin", diz Greenpeace

Projeto de lei para eliminar banco central nos EUA foi inspirado no bitcoin

Blockchain e tokenização podem colaborar na transformação digital do Brasil, diz Anbima

Bitcoin é a única moeda descentralizada, diz CEO da Tether, empresa por trás da USDT

Mais na Exame