Acompanhe:

Operação Penalidade Máxima: clubes afastam jogadores suspeitos de participação em fraudes

Esquema envolvia manipulação de resultados de jogos de futebol

Modo escuro

Continua após a publicidade
O MP/GO anunciou, nessa terça-feira, 9, que denunciou à Justiça 16 pessoas por fraudes para manipular resultados de 13 partidas de futebol (Gabriel Machado/NurPhoto/Getty Images)

O MP/GO anunciou, nessa terça-feira, 9, que denunciou à Justiça 16 pessoas por fraudes para manipular resultados de 13 partidas de futebol (Gabriel Machado/NurPhoto/Getty Images)

Pelo menos nove jogadores de futebol já foram afastados de clubes por terem envolvimento ou porque foram citados nas investigações da Operação Penalidade Máxima, conduzida pelo Ministério Público de Goiás – MP/GO.

O MP/GO anunciou, nessa terça-feira, 9, que denunciou à Justiça 16 pessoas por fraudes para manipular resultados de 13 partidas de futebol (oito do Campeonato Brasileiro da Série A de 2022, uma da Série B de 2022 e quatro de campeonatos estaduais de 2023) para favorecer apostas esportivas.

No Paraná, o Athletico Paranaense retirou preventivamente Bryan García e Pedrinho das atividades com o elenco principal. Ainda na capital paranaense, o Coritiba informou que Alef Manga e Jesús Trindade estão fora da partida contra o Vasco.

Em Minas Gerais, o América afastou o lateral Nino Paraíba e o Cruzeiro, o volante Richard. No Rio, o Fluminense anunciou o afastamento do zagueiro Vitor Mendes.

Esses jogadores ainda não foram denunciados, mas aparecem em supostas conversas dos organizadores do grupo criminoso.

Penalidade

Já o meio-campista Fernando Neto foi denunciado na segunda fase da Penalidade Máxima. O São Bernardo o afastou nessa quarta-feira, 10. Em nota, o clube explicou que escolheu ouvir o jogador num primeiro momento, mas decidiu pelo afastamento depois da denúncia apresentada pelo Ministério Público.

O Santos já havia anunciado o afastamento do zagueiro Eduardo Bauermann, que também foi denunciado.

A advogada do jogador santista, Ana Paula da Silva Corrêa, informou que ele nega participação no esquema e que a defesa técnica irá provar a inocência.

O advogado Auro Jayme, defensor de Fernando Neto, disse que o jogador, após ser chantageado, só simulou participar do esquema, mas nunca executou os pedidos durante os jogos e devolveu todos os recursos recebidos dos aliciadores. O advogado ainda cobrou a divulgação de todas as conversas entre o atleta e os criminosos para que não haja pré-julgamento.

LEIA TAMBÉM:

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Tendências do futebol: apostas, entretenimento em arenas e estreitamento de laços
Esporte

Tendências do futebol: apostas, entretenimento em arenas e estreitamento de laços

Há 15 horas

Quais as chances do Corinthians ser eliminado do Campeonato Paulista? Entenda
Esporte

Quais as chances do Corinthians ser eliminado do Campeonato Paulista? Entenda

Há 16 horas

Jogos de hoje, sábado, 2; onde assistir e horários
Esporte

Jogos de hoje, sábado, 2; onde assistir e horários

Há 23 horas

Flamengo x Madureira: onde assistir, horário e escalações do jogo do Campeonato Carioca
Esporte

Flamengo x Madureira: onde assistir, horário e escalações do jogo do Campeonato Carioca

Há 23 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais