Acompanhe:

CBF encaminha acordo com Fernando Diniz para técnico interino enquanto Ancelotti não chega

Treinador não deixaria o Fluminense e acumularia cargo

Modo escuro

Continua após a publicidade
A entidade também deixou alinhado com o Fluminense que ele assumiria apenas em Datas-Fifa para comandar o Brasil nas Eliminatórias da Copa do Mundo e amistosos (Leandro Amorim/Eurasia Sport Images/Getty Images)

A entidade também deixou alinhado com o Fluminense que ele assumiria apenas em Datas-Fifa para comandar o Brasil nas Eliminatórias da Copa do Mundo e amistosos (Leandro Amorim/Eurasia Sport Images/Getty Images)

A CBF chegou a um acordo com Fernando Diniz para ser o técnico interino da seleção brasileira enquanto aguarda Carlos Ancelotti deixar o Real Madrid. A informação é do Globo Esporte.

A entidade também deixou alinhado com o Fluminense que ele assumiria apenas em Datas-Fifa para comandar o Brasil nas Eliminatórias da Copa do Mundo e amistosos. E não deixaria o clube.

Segundo O GLOBO apurou, o nome não era o único alvo entre treinadores brasileiros que poderiam ocupar o cargo de interino, mas foi a opção que mais agradou aos jogadores neste momento.

Entretanto, ainda faltavam alguns detalhes para sacramentar tudo e haver o anúncio esta semana. A CBF ainda não confirma, assim como empresários ligados a Fernando Diniz.

O técnico é agenciado por Giuliano Bertolucci, que foi procurado, mas não retornou contatos.

Diniz a frente de Rogério Ceni

A CBF entende que não seria interessante tirar treinador de clube brasileiro para ocupar a função. O único nome que teria alguma chance seria de Rogério Ceni, mas foi rechaçado.

Dorival Júnior também esteve cotado, mas por estar no São Paulo a possibilidade não foi adiante. O presidente da CBF, Ednaldo Rodriguez, não queria fazer convites para não deixar muitas pistas.

Carlo Ancelotti é esperado para assumir a seleção no meio de 2024, quando termina seu contrato com o Real Madrid. Se ele vier antes, o técnico interino poderia encerrar o trabalho em janeiro.

Situação que não é inédita

O comandante vai continuar empregado no Fluminense e deve conciliar os trabalhos ao mesmo tempo. A situação é atípica, mas não é inédita, já que Vanderlei Luxemburgo viveu cenário parecido.

Aconteceu em 1998, logo após a Copa do Mundo da França. Na ocasião, Mario Jorge Lobo Zagallo deixou o comando técnico da seleção brasileira e a CBF encontrou dificuldades para achar um substituto que agradasse a todos. O nome de Luxemburgo ganhou força com o então presidente Ricardo Teixeira. Mas a negociação não foi fácil.

Luxemburgo era técnico do Corinthians e só aceitou ir para a seleção brasileira com uma condição: continuar comandando o alvinegro até o final daquele ano. E deu certo: o Timão conquistou o título após vencer o Cruzeiro na decisão.

Vanderlei Luxemburgo comandou a seleção brasileira em 34 partidas, entre 1998 e 2000, com um aproveitamento de 69,60%, sendo 21 vitórias, oito empates e cinco derrotas. Ele levou o Brasil ao título da Copa América de 1999.

Outro caso famoso de treinadores em dois cargos ao mesmo tempo aconteceu com Guus Hiddink — ele assumiu o Chelsea em 2009 enquanto ainda comandava a seleção da Rússia.

 

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Sensação no Rio Open, João Fonseca já foi pupilo de Federer e número 1 em ranking mundial
Esporte

Quem é João Fonseca? Sensação do Rio Open

Há 11 horas

Popó x Bambam: Fight Music Show transcende os quatro cantos do ringue
Esporte

Popó x Bambam: Fight Music Show transcende os quatro cantos do ringue

Há 13 horas

Rio Open tem melhor campanha brasileira com três representantes nas quartas de final
Esporte

Rio Open tem melhor campanha brasileira com três representantes nas quartas de final

Há 14 horas

Morre Wilson Fittipaldi, irmão de Emerson Fittipaldi e ex-piloto de F1, aos 80 anos
Esporte

Morre Wilson Fittipaldi, irmão de Emerson Fittipaldi e ex-piloto de F1, aos 80 anos

Há 16 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais