Esporte

Após três anos, Conor McGregor vai retornar ao octógono do UFC contra Michael Chandler

Rivalidade entre lutadores dura desde o ano passado

Agência o Globo
Agência o Globo

Agência de notícias

Publicado em 14 de abril de 2024 às 16h22.

Conor McGregor está de volta ao mundo das lutas no UFC após quase três anos de ausência. O anúncio foi feito pelo presidente do Ultimate, Dana White, durante a coletiva do UFC 300 realizada no último sábado. A confirmação veio através das redes sociais da competição, agitando os fãs ao redor do mundo. McGregor enfrentará Michael Chandler no aguardado UFC 303, que ocorrerá durante a International Fight Week, em Las Vegas, nos Estados Unidos, no dia 29 de junho.

O retorno de McGregor ao octógono é aguardado com grande expectativa pelos fãs, que não veem o astro em ação desde 10 de julho de 2021, quando enfrentou Dustin Poirier e sofreu uma lesão na perna, durante o UFC 264.

Desde então, o irlandês esteve afastado dos holofotes, exceto por sua participação como um dos técnicos do The Ultimate Fighter 31, onde travou rivalidade com justamente seu próximo oponente, Michael Chandler, durante a temporada que ocorreu entre maio e agosto de 2023.

UFC 205: Alvarez v McGregor

Dana White explicou que o timing para o retorno de McGregor foi crucial, mencionando que o lutador teve que lidar com diversas obrigações que o impediram de treinar totalmente para uma luta. "Chandler sempre esteve pronto, mas o Conor, não. Ele teve que lidar com algumas obrigações. Eu não o faria aceitar uma luta com uma tonelada de obrigações que o impediram de treinar 100% para a luta", disse White.

— É tudo sobre o timing. Chandler sempre esteve pronto, mas o Conor, não. Ele teve que lidar com algumas obrigações. Eu não o faria aceitar uma luta com uma tonelada de obrigações que o impediram de treinar 100% para a luta — disse Dana.

A espera pelo duelo entre McGregor e Chandler tem sido longa e ansiosamente aguardada pelos fãs. Ambos os lutadores têm seus próprios feitos impressionantes: McGregor foi o primeiro lutador do Ultimate a conquistar dois títulos em categorias diferentes simultaneamente (pena e peso leve), enquanto Chandler é tricampeão dos leves.

No entanto, ambos enfrentam um período de inatividade, com McGregor lutando apenas uma vez desde 2016, além de seu histórico evento de boxe contra Floyd Mayweather em 2017, e Chandler sem lutar desde novembro de 2022, quando foi nocauteado por Poirier.

O retorno de McGregor ao octógono tem sido objeto de especulação há meses, com o próprio lutador expressando sua intenção de voltar à ativa. No entanto, questões como a recuperação da lesão e problemas com a agência antidoping dos EUA contribuíram para adiar sua volta até o momento.

Acompanhe tudo sobre:UFC

Mais de Esporte

Antero Greco morre aos 69 anos, um dia após a morte do apresentador Washington Rodrigues

Silvio Luiz morre aos 89 anos; relembre os grandes momentos do narrador esportivo

Mais na Exame