Economia

Serviços operam 3,2% abaixo do pico de dezembro de 2022, mostra IBGE

Os Transportes funcionavam em patamar 7,1% abaixo do ápice registrado em março de 2023

Os Serviços prestados às famílias estavam 13,6% abaixo do pico de maio de 2014 (Uber/Divulgação)

Os Serviços prestados às famílias estavam 13,6% abaixo do pico de maio de 2014 (Uber/Divulgação)

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo

Agência de notícias

Publicado em 13 de dezembro de 2023 às 11h19.

O setor de serviços operava em outubro em patamar 3,2% abaixo do pico registrado em dezembro de 2022, que foi o mais elevado da série histórica da Pesquisa Mensal de Serviços, iniciada em 2011 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Transportes

Os Transportes funcionavam em patamar 7,1% abaixo do ápice registrado em março de 2023, enquanto os serviços de informação e comunicação operavam 1,3% aquém do recorde de junho de 2023.

Os Serviços prestados às famílias estavam 13,6% abaixo do pico de maio de 2014. Os Serviços profissionais, administrativos e complementares estavam 12,9% abaixo do ápice de março de 2012, e o segmento de Outros serviços estava 15,1% aquém do auge de janeiro de 2012.

Acompanhe tudo sobre:ServiçosIBGE

Mais de Economia

Câmara aprova taxação de compras em sites como Shein e AliExpress; texto segue para sanção

Exclusivo: o que pode mudar na PEC que amplia autonomia do BC e pode economizar R$ 5 bi

Pacheco devolve parte da MP sobre créditos do PIS/Cofins

Banco Mundial projeta crescimento global de 2,6% e de 2,2% para o Brasil em 2024

Mais na Exame