Economia

Produção de aço do Japão deve recuar 4%

País foi atingido por demanda doméstica fraca e excesso de oferta da commodity na Ásia


	Funcionário observa vergalhões de aço: segundo Ministério do Comércio japonês, mercado asiático tem excesso de demanda e não há previsão de expansão imediata para as exportações
 (China Daily/Reuters)

Funcionário observa vergalhões de aço: segundo Ministério do Comércio japonês, mercado asiático tem excesso de demanda e não há previsão de expansão imediata para as exportações (China Daily/Reuters)

DR

Da Redação

Publicado em 2 de abril de 2013 às 08h34.

Tóquio - A produção de aço bruto do Japão entre abril e junho deve registrar queda de 4,1 por cento sobre o mesmo período do ano passado, para 26,38 milhões de toneladas, atingida por demanda doméstica fraca e excesso de oferta na Ásia, informou o Ministério do Comércio nesta terça-feira.

A demanda doméstica deve cair 3,2 por cento no primeiro trimestre do ano fiscal japonês ante o trimestre anterior, enquanto as exportações vão recuar 1 por cento, segundo pesquisa do governo junto a siderúrgicas do país, informou o ministério.

Apesar do recente enfraquecimento do iene ter ajudado a melhorar a competitividade dos produtos siderúrgicos japoneses, o mercado asiático tem excesso de demanda e não há previsão de expansão imediata para as exportações, segundo a pasta.

Acompanhe tudo sobre:acoÁsiaJapãoMetaisPaíses ricosSiderurgia

Mais de Economia

Petrobras prevê perfurar novos poços do pré-sal em 2025 para garantir futuro da bacia de Campos

Senado estuda usar atualização do IR e repatriação para compensar desoneração

‘Temos absoluta confiança que o dólar vai cair’, diz Geraldo Alckmin

Lula rebate rumores de pressão e diz que Haddad é 'extraordinário ministro'

Mais na Exame