Acompanhe:

Montadoras reduzem produção e cancelam turnos devido a bloqueios de rodovias por caminhoneiros

Empresas do setor já têm prejuízos em razão do movimento, diz Anfavea

Modo escuro

Continua após a publicidade
Os problemas começaram na segunda-feira, mas cresceram nesta terça-feira, com efeito direto na operação das empresas, com unidades tendo de reduzir ou suspender a produção (Germano Lüders/Exame)

Os problemas começaram na segunda-feira, mas cresceram nesta terça-feira, com efeito direto na operação das empresas, com unidades tendo de reduzir ou suspender a produção (Germano Lüders/Exame)

A
Agência O Globo

Publicado em 1 de novembro de 2022 às, 15h13.

Montadoras que atuam no país já registram perdas em decorrência dos bloqueios feitos por caminhoneiros e demonstram “grande preocupação” com esse movimento, afirma a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea).

Os problemas começaram na segunda-feira, mas cresceram nesta terça-feira, com efeito direto na operação das empresas, com unidades tendo de reduzir ou suspender a produção.

Paralisação dos caminhoneiros: acompanhe ao vivo

A Stellantis, por exemplo, suspendeu a produção de suas equipes de manufatura na fábrica da montadora em Porto Real, no Sul Fluminense, da Peugeot, em razão de bloqueios na Rodovia Presidente Dutra.

A montadora cancelou o transporte para que duas equipes de funcionários chegassem à unidade e recomendou que os que atuam na área administrativa priorizem o regime de trabalho remoto.

Como nesta quarta-feira é Feriado de Finados, a produção somente será retomada na quinta-feira.

As fábricas, diz a Anfavea, estão sendo impactadas principalmente por problemas na logística de entrega de componentes utilizados na produção. O problema é maior para os itens como pneus e outros que são entregues em cima da hora, sem grandes estoques locais.

Com isso, continua a entidade, as montadoras reportam redução na produção, turnos cancelados e dificuldade de acesso de suas equipes às fábricas.

LEIA TAMBÉM:

Últimas Notícias

Ver mais
Ativistas protestam em Hong Kong contra nova lei de segurança nacional
Mundo

Ativistas protestam em Hong Kong contra nova lei de segurança nacional

Há um dia

Da infância sem luz a receita de R$ 100 milhões, o paranaense que popularizou a cama box no Brasil
seloNegócios

Da infância sem luz a receita de R$ 100 milhões, o paranaense que popularizou a cama box no Brasil

Há um dia

Agricultores protestam na sede da UE, onde ministros de Agricultura se reúnem
Mundo

Agricultores protestam na sede da UE, onde ministros de Agricultura se reúnem

Há 2 dias

Brasil e outros 121 países fecham acordo para aumentar investimentos estrangeiros
Economia

Brasil e outros 121 países fecham acordo para aumentar investimentos estrangeiros

Há 2 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais