Economia

Guedes tranquiliza mercado e nega saída do governo

Notícia ajudou nas perdas da bolsa de valores, com o Ibovespa caindo 1,93%

Guedes: ministro diz que há "zero fundamento" em notícia sobre sua saída do governo no início do próximo ano. (Edu Andrade/ASCOM/Ministério da Economia/Flickr)

Guedes: ministro diz que há "zero fundamento" em notícia sobre sua saída do governo no início do próximo ano. (Edu Andrade/ASCOM/Ministério da Economia/Flickr)

R

Reuters

Publicado em 7 de outubro de 2019 às 18h43.

Brasília — O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou à Reuters que há "zero fundamento" em notícia sobre sua saída do governo no início do próximo ano.

Mais cedo, o Diário da Amazônia publicou que Guedes deverá deixar o governo em fevereiro e que estava apenas esperando a aprovação da reforma da Previdência e a consolidação da reforma tributária.

Profissionais do mercado financeiro citaram a notícia como fator que ajudou nas perdas da bolsa. Principal índice de ações brasileiro, o Ibovespa caiu 1,93% nesta segunda-feira, a 100.572,77 pontos, menor fechamento desde 3 de setembro.

Acompanhe tudo sobre:IbovespaMinistério da EconomiaPaulo Guedes

Mais de Economia

Em 4 anos, rotas de integração vão ligar Brasil à Ásia, prevê Tebet

Anatel poderá retirar do ar sites de e-commerce por venda de celulares irregulares

Carteira assinada avança, e número de trabalhadores por conta própria com CNPJ recua

Em 2023, emprego foi recorde e número de trabalhadores com ensino superior chegou a 23,1%

Mais na Exame