Fundos imobiliários continuarão isentos de impostos, diz relator

O governo, ao apresentar a versão inicial do texto, sugeriu a taxação de 15%, o que gerou reação negativa no Congresso

O relator da reforma do Imposto de Renda na Câmara, deputado Celso Sabino (PSDB-PA), anunciou nesta terça-feira que o parecer elaborado por ele mantém os fundos imobiliários isentos de tributação. Ele antecipou a informação no Twitter, antes de apresentar o texto na íntegra.

O governo, ao apresentar a versão inicial do texto, sugeriu a taxação de 15%, o que gerou reação negativa no Congresso. "Nosso substitutivo vai manter os FIIS desonerados", garantiu Sabino. Segundo ele, a compensação será feita em operações com ações de diferentes modalidades, por até três meses.

"Prejuízos compensando lucros", acrescentou o relator. Sabino apresenta o parecer em almoço com líderes partidários e com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), na Residência Oficial da Câmara dos Deputados.

São previstas mudanças na alíquota do IR de empresas, que o governo propôs cortar em 5 pontos percentuais, e a inclusão de alguma medida redução de subsídios. Os dividendos devem continuar sendo taxados, apesar de alguma resistência de parlamentares e setores da economia.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também