Economia

Efeito Milei: dólar blue bate 780 pesos na Argentina

Depois de vitória da extrema direita nas primárias no país, cotação da moeda americana no mercado paralelo dispara

Desde o início da semana, a alta acumulada é de 175 pesos ou 28,9%, segundo informações do jornal "La Nación" (Manuel Augusto Moreno/Getty Images)

Desde o início da semana, a alta acumulada é de 175 pesos ou 28,9%, segundo informações do jornal "La Nación" (Manuel Augusto Moreno/Getty Images)

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo

Agência de notícias

Publicado em 16 de agosto de 2023 às 19h45.

Última atualização em 16 de agosto de 2023 às 20h01.

O dólar blue, a mais conhecida cotação da moeda americana no mercado paralelo na Argentina, bateu 780 pesos nesta quarta-feira.

Desde o início da semana, acumula alta de 175 pesos ou 28,9%, segundo informações do jornal "La Nación". Apenas nesta quarta-feira, o aumento é de 50 pesos, ou mais 6,8%.

Esse salto veio com o resultado das eleições primárias no país, que apontaram Javier Milei, o candidato da direita radical, como o nome à frente na corrida presidencial. As eleições acontecem em outubro.

Desenrola

Na segunda-feira, dia seguinte ao resultado das prévias das eleições no país, o Banco Central argentino, decidiu elevar em 22% o dólar oficial, que passou a valer 350 pesos. Segundo fontes do "La Nación", o governo vai travar o câmbio até as eleições de outubro.

Em paralelo, o BC reajustou a taxa básica de juro em 21 pontos, para 118% ao ano, o mais alto patamar em 20 anos.

Crise: FMI busca reunião com Milei e Bullrich para discutir acordo de US$ 44 bilhões com a Argentina

A escalada do preço do dólar blue já era vista com a proximidade das primárias, no mês passado. Desde o dia 10 de julho, a cotação subiu 58,5%.

Com a mexida na política financeira e a desvalorização do peso, a inflação disparou, puxando preços de produtos e serviços no país, além de impulsionar a cotação do dólar no mercado paralelo.

Acompanhe tudo sobre:ArgentinaDólar

Mais de Economia

EUA: Fed deve reduzir capital exigido a bancos em proposta regulatória

China anuncia investigação antidumping sobre produtos químicos importados da UE e dos EUA

Após pedido do governo, Zanin suspende liminar que reonera a folha de pagamentos por 60 dias

Haddad: governo anuncia na próxima semana medidas sobre impacto e compensação da desoneração

Mais na Exame