Economia

Doze empresas disputam PPPs de R$ 1 bi em Sorocaba

Oito grupos concorrem à instalação e operação do Bus Rapid Transit (BRT), sistema de ônibus de alta capacidade, um projeto de R$ 200 milhões


	Sorocaba: projetos fazem parte de investimento de R$ 1 bilhão previsto pelo município em programas a serem desenvolvidos através de PPPs
 (Wikimedia Commons)

Sorocaba: projetos fazem parte de investimento de R$ 1 bilhão previsto pelo município em programas a serem desenvolvidos através de PPPs (Wikimedia Commons)

DR

Da Redação

Publicado em 20 de janeiro de 2014 às 14h42.

Sorocaba - Doze empresas brasileiras e estrangeiras se habilitaram para apresentar estudos e anteprojetos para as duas primeiras Parcerias Público-Privadas (PPP) definidas pela atual administração de Sorocaba, a 92 km de São Paulo.

Oito grupos concorrem à instalação e operação do Bus Rapid Transit (BRT), sistema de ônibus de alta capacidade, um projeto de R$ 200 milhões. Outras seis empresas se apresentaram para o projeto de um hospital de clínicas na cidade, orçado em R$ 250 milhões.

O prazo para os estudos é de 60 dias no caso do hospital e de 105 dias para o sistema de transporte coletivo.

Os projetos fazem parte de um investimento de R$ 1 bilhão previsto pelo município em programas a serem desenvolvidos através de PPPs.

As ações contemplam ainda em áreas de saneamento, educação, resíduos sólidos e iluminação pública.

Por envolver parceria com o setor público, as obras serão objeto de licitação. O terreno para o hospital, que terá 200 leitos, já foi adquirido pela prefeitura na zona norte da cidade.

Na primeira fase, o BRT terá 35 quilômetros de corredores. O projeto será financiado pelo governo federal. Para o prefeito Antonio Carlos Pannunzio (PSDB), as parcerias com a iniciativa privada ampliam a capacidade de investimento do município.

Acompanhe tudo sobre:LicitaçõesParcerias público-privadasSaúde no BrasilTransportestransportes-no-brasil

Mais de Economia

IPCA-15 de maio acelera e fica em 0,44%; inflação acumulada de 12 meses vai a 3,70%

Governo registra superávit primário de R$ 11,1 bilhões em abril

Brasil vira maior importador de carros elétricos e híbridos da China

'Abrasileirar' preços e aumentar produtividade da Petrobras: o discurso de Magda Chambriard

Mais na Exame