Acompanhe:

Brasil tem pior expectativa de emprego do mundo

Uma pesquisa aponta que o Brasil tem -7% de tendência a criar emprego, o pior de todos os países analisados e o único que aparece com índice negativo

Modo escuro

Continua após a publicidade

	Expectativa: uma pesquisa aponta que o Brasil tem -7% de tendência a criar emprego, o pior de todos os países analisados e o único que aparece com índice negativo
 (.)

Expectativa: uma pesquisa aponta que o Brasil tem -7% de tendência a criar emprego, o pior de todos os países analisados e o único que aparece com índice negativo (.)

D
Da Redação

Publicado em 13 de setembro de 2016 às, 16h57.

O Brasil é o país com as piores expectativas em relação ao mercado de trabalho do mundo para o último trimestre do ano - afirma uma pesquisa divulgada nesta terça-feira (13) no Panamá.

A pesquisa da empresa de Recursos Humanos Manpower aponta que o Brasil tem -7% de tendência a criar emprego, o pior de todos os países analisados e o único que aparece com índice negativo.

"Infelizmente, existe uma contração econômica no Brasil, a qual, junto à instabilidade política e social, não está contribuindo para um ambiente favorável para os investimentos nesse país", disse à AFP a gerente de recrutamento da Manpower no Panamá Alejandra Vega, que apresentou o estudo.

O Brasil enfrenta uma recessão iniciada no segundo trimestre de 2015, ano que terminou com uma contração de 3,8%. A recessão se arrasta em 2016.

As projeções oficiais indicam que a atividade econômica do Brasil cairá 3% e terá seu primeiro biênio recessivo desde a década de 1930.

Enquanto isso, Índia (+32), Japão (+23) e Taiwan (+21) apresentam as melhores perspectivas de emprego globais, "porque oferecem mão de obra muito qualificada a baixo custo", explicou Vega.

Além disso, os Estados Unidos (+18), que se recuperam da crise financeira de 2008, apresentam a quarta melhor projeção do emprego do mundo pelo aumento dos investimentos, acrescentou Alejandra Vega.

O estudo indica que empresários em 23 dos 43 países analisados melhoram suas expectativas de emprego em comparação com o trimestre anterior e somente 11 pioram.

Últimas Notícias

Ver mais
O futuro exponencial começa com elas: por que as mulheres devem liderar
Um conteúdo Esfera

O futuro exponencial começa com elas: por que as mulheres devem liderar

Há um dia

Presidente do BoE vê mercado de trabalho britânico apertado, mas destaca resiliência do emprego
Economia

Presidente do BoE vê mercado de trabalho britânico apertado, mas destaca resiliência do emprego

Há uma semana

Taxa de participação de idosos no mercado de trabalho alcança o nível pré-pandemia no 4º tri
Brasil

Taxa de participação de idosos no mercado de trabalho alcança o nível pré-pandemia no 4º tri

Há uma semana

Brasil tem 1,8 milhão de pessoas desempregadas há 2 anos ou mais, diz IBGE
Brasil

Brasil tem 1,8 milhão de pessoas desempregadas há 2 anos ou mais, diz IBGE

Há uma semana

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais