4 razões para não perder “The Rain”, série original da Netflix

Como "La Casa de Papel" e "Dark", "The Rain" pode ser mais um sucesso europeu entre os brasileiros. Série já está disponível para streaming na Netflix
 (Netflix/Divulgação)
(Netflix/Divulgação)
S
Sobre Filmes e Séries

Publicado em 04/05/2018 às 12:31.

Última atualização em 04/05/2018 às 16:00.

Primeira série original dinamarquesa na Netflix, “The Rain” faz sua estreia nesta sexta-feira e, a julgar pela movimentação nas redes sociais, onde o trailer da 1ª temporada bateu a marca de 310 mil visualizações e acumulou milhares de reações, a produção promete ser tão querida entre os brasileiros quanto a espanhola “La Casa de Papel”. Com isso em mente, o blog reuniu alguns motivos para você colocar “The Rain” na lista de afazeres deste final de semana.

Pós-apocalipse

Com ares de “The Walking Dead”, um dos seriados mais populares da história da televisão, “The Rain” segue a cartilha dos dramas que mostram um mundo pós-apocalíptico e vai agradar os fãs do gênero.

Aqui, não há zumbis, mas um vírus misterioso contaminou milhões de pessoas ao ser carregado pela chuva e dizimou boa parte da humanidade. Filhos de um cientista que parece ter ligações com o ocorrido, Simone e Rasmus passam anos dentro de um bunker, mas são forçados a deixar o local. Ao fazê-lo encontram um grupo de jovens e agora vão lutar para sobreviver nessa nova ordem mundial.

Para assistir de uma vez

Embora alguns veículos tenham criticado como a história da série poderá soar familiar, especialmente para quem já acompanha esse tipo de drama, lembram que o seriado consegue criar o clima de tensão e suspense necessário para segurar os espectadores episódio por episódio. Uma bela alternativa para quem gosta de maratonas.

Críticas positivas

Em outros países, a Netflix disponibilizou aos críticos 3 episódios de “The Rain” e a recepção está sendo positiva. O “The Guardian”, por exemplo, elogiou especificamente a atriz Alba August (Simone), classificando a sua atuação como “poderosa e afetuosa”, e disse que a série é mais que um drama pós-apocalíptico, mas também um questionamento sobre humanidade.

Fotografia

Tal qual a alemã “Dark”, também popular entre o público brasileiro, “The Rain” traz uma fotografia escura, uma paleta de cores frias e realistas, traços que incrementam ainda mais o tom de mistério. A série foi criada pelos dinamarqueses Jannik Tai Mosholt, Christian Potalivo e Esben Toft Jacobsen e foi filmada inteiramente no país, então, pode esperar por paisagens deslumbrantes.