Brasil

PSB não responderá a menção de Campos por Costa

"Apenas jogaram no ar o nome de uma pessoa que já morreu, é um absurdo", comentou um auxiliar


	Eduardo Campos (PSB): ex-governador morreu no mês passado
 (Antonio Cruz/Agência Brasil)

Eduardo Campos (PSB): ex-governador morreu no mês passado (Antonio Cruz/Agência Brasil)

DR

Da Redação

Publicado em 6 de setembro de 2014 às 13h33.

Brasília - A assessoria do PSB comunicou que não se manifestará sobre a menção ao ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos no depoimento do ex-diretor da Petrobras. Dentro do partido, a avaliação é a de que Paulo Roberto Costa não apresentou provas concretas contra Campos. "Apenas jogaram no ar o nome de uma pessoa que já morreu, é um absurdo", comentou um auxiliar.

Acompanhe tudo sobre:Capitalização da PetrobrasCorrupçãoEduardo CamposEleiçõesEleições 2014EmpresasEmpresas abertasEmpresas brasileirasEmpresas estataisEscândalosEstatais brasileirasFraudesGás e combustíveisGovernadoresIndústria do petróleoPartidos políticosPetrobrasPetróleoPolítica no BrasilPolíticosPolíticos brasileirosPSB – Partido Socialista Brasileiro

Mais de Brasil

Pessoa afetadas pelas chuvas no RS podem pedir suspensão de dívidas por 6 meses

Fiocruz envia testes de diagnóstico de leptospirose para o Rio Grande do Sul

Programa de habitação da cidade de SP tem licitação anulada e deve atrasar entregas de Nunes

Em meio à crise no RS, governo vai lançar novo sistema de alerta de desastres climáticos

Mais na Exame