Brasil

PF cumpre 38 mandados em 8 estados, em operação sobre atos golpistas

São 16 mandados de prisão preventiva e 22 de busca e apreensão

DF - LULA/VITÓRIA/ATOS ANTIDEMOCRÁTICOS/ONTEM - POLÍTICA - Apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) promovem ataques criminosos contra   as sedes dos Três Poderes, em Brasília, no domingo, 08 de janeiro de 2022.   Extremistas vandalizaram o Palácio do Planalto, o Supremo Tribunal Federal (STF) e   o Congresso Nacional. O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva,   convocou uma reunião extraordinária para esta segunda-feira, 09, com chefes dos   Três Poderes.   08/01/2023 - Foto: EDISON BUENO/PHOTOPRESS/ESTADÃO CONTEÚDO (EDISON BUENO/PHOTOPRESS/ESTADÃO CONTEÚDO/Reprodução)

DF - LULA/VITÓRIA/ATOS ANTIDEMOCRÁTICOS/ONTEM - POLÍTICA - Apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) promovem ataques criminosos contra as sedes dos Três Poderes, em Brasília, no domingo, 08 de janeiro de 2022. Extremistas vandalizaram o Palácio do Planalto, o Supremo Tribunal Federal (STF) e o Congresso Nacional. O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, convocou uma reunião extraordinária para esta segunda-feira, 09, com chefes dos Três Poderes. 08/01/2023 - Foto: EDISON BUENO/PHOTOPRESS/ESTADÃO CONTEÚDO (EDISON BUENO/PHOTOPRESS/ESTADÃO CONTEÚDO/Reprodução)

Agência Brasil
Agência Brasil

Agência de notícias

Publicado em 18 de abril de 2023 às 10h29.

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira, 18, mais uma etapa da Lesa Pátria. A décima fase da operação busca identificar pessoas que “participaram, financiaram, omitiram-se ou fomentaram” os ataques golpistas do dia 8 de janeiro, quando as sedes dos Três Poderes foram invadidas e depredadas por apoiadores do ex-presidente Bolsonaro, inconformados com o resultado das eleições de outubro de 2022.

Segundo a PF, 16 mandados de prisão preventiva e 22 mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos em oito estados – Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, São Paulo e no Distrito Federal –, por determinação do Supremo Tribunal Federal.

“Os fatos investigados constituem, em tese, os crimes de abolição violenta do Estado Democrático de Direito, golpe de Estado, dano qualificado, associação criminosa, incitação ao crime, destruição e deterioração ou inutilização de bem especialmente protegido”, informou, em nota, a PF.

A Operação Lesa Pátria segue em curso, com atualizações periódicas sobre o número de mandados judiciais expedidos, pessoas capturadas e foragidas.

Denúncias

A PF abriu um canal de denúncias para identificar pessoas ligadas aos atos golpistas. As denúncias podem ser enviadas para o e-mail denuncia8janeiro@pf.gov.br.

Acompanhe tudo sobre:Polícia FederalProtestosBrasíliaSupremo Tribunal Federal (STF)

Mais de Brasil

TJ derruba liminar e destrava programa habitacional de Ricardo Nunes em SP

Congresso derruba vetos de Lula e volta a proibir 'saidinha' de presos

Governo consegue acordo com Congresso e veto em calendário de emendas é mantido

Tarcísio diz que Haddad tem ‘ajudado muito’ em discussão sobre renegociação da dívida dos estados

Mais na Exame