Acompanhe:

"O policial é o Estado", diz novo secretário de Segurança

Fernando Grella Vieira assumiu hoje a pasta de Segurança Pública com discurso de "aperfeiçoamento do que já existe"

Modo escuro

Continua após a publicidade

	Alckmin: mudanças na cúpula de Segurança
 (José Luis da Conceição/Governo de SP)

Alckmin: mudanças na cúpula de Segurança (José Luis da Conceição/Governo de SP)

A
Amanda Previdelli

Publicado em 22 de novembro de 2012 às, 11h30.

São Paulo - O novo secretário de Segurança Pública do estado de São Paulo, Fernando Grella Vieira, assumiu hoje a pasta em evento com a presença do governador Geraldo Alckmin e do secretário Antonio Ferreira Pinto, que deixa o cargo.

Grella Vieira tomou posse com um discurso de continuação e aperfeiçoamento do programa que já está em curso. "O foco agora é aprimorar os mecanismos de transparência e a atuação conjunta da polícia militar, civil e científica", disse.

"Teremos um incremento ao serviço de inteligência e, na medida do possível, vamos afastar os policiais que estão sendo investigados", completa o novo secretário de segurança. Para ele, a onda de violência pela qual passa a Grande São Paulo é apenas "um dos desafios" que a Secretaria irá enfrentar. Grella Vieira defende uma maior "integração com outros estados, municípios e a União".

Em seu discurso de posse, o secretário afirmou ainda que "é preciso tirar a ideia de que resposta firme e direitos humanos são conceitos excludentes" e valorizou a ação da polícia: "o policial simboliza o Estado 24 horas por dia, 7 dias por semana e São Paulo será sempre o primeiro estado a homenagear o PM".

A polícia também foi valorizada nos discursos do governador Geraldo Alckmin e do ex-secretário Antonio Ferreira Pinto. Alckmin foi firme em sua fala contra o crime organizado: "É pouco dizer que o policial representa o Estado. O policial é o Estado. O crime organizado é covarde ao atacar os policiais, que muitas vezes estão sem farda. Mas venceremos", disse.

Já Ferreira Pinto repassou os números e avanços que sua gestão conseguiu, como a reestruturação da carreira dos policiais e, antes de desejar sorte ao novo secretário, reiterou a sua admiração pela polícia. "Quero destacar a atuação da ROTA, me orgulho de prestigiá-la porque sei que ela deixa a cidade mais segura", diz.

Fernando Grella Vieira, 54 anos, é ex-procurador-geral de Justiça e já foi secretário da Procuradoria de Justiça Cível do MP e vice-presidente da Associação Paulista do Ministério Público.

Últimas Notícias

Ver mais
Após fuga em Mossoró, Ministério da Justiça vai comprar até dez mil câmeras para reforçar segurança
Brasil

Após fuga em Mossoró, Ministério da Justiça vai comprar até dez mil câmeras para reforçar segurança

Há 13 horas

São Paulo promove nesta sexta-feira Dia D contra a Dengue
Brasil

São Paulo promove nesta sexta-feira Dia D contra a Dengue

Há 13 horas

Prefeito de São Paulo bate boca com moradores em vistoria de obra na Vila Mariana, na Zona Sul
Brasil

Prefeito de São Paulo bate boca com moradores em vistoria de obra na Vila Mariana, na Zona Sul

Há 14 horas

Rodízio SP hoje, março 2024: horários, finais de placa, regiões e valor da multa
Guia do Cidadão

Rodízio SP hoje, março 2024: horários, finais de placa, regiões e valor da multa

Há 15 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais