Brasil

Lula sugere criação de programa para baratear eletrodomésticos; veja produtos que podem ter desconto

A sugestão de Lula foi direcionada ao vice-presidente e ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Geraldo Alckmin (PSB)

Eletrodomésticos:  Os aparelhos da linha branca normalmente possuem uma longa vida útil (starush/Getty Images)

Eletrodomésticos: Os aparelhos da linha branca normalmente possuem uma longa vida útil (starush/Getty Images)

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 13 de julho de 2023 às 09h50.

Última atualização em 13 de julho de 2023 às 11h02.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) sugeriu na quarta-feira, 12, a criação de um programa de incentivo à compra de eletrodomésticos da chamada linha branca, como televisão, geladeira e máquina de lavar roupas. A sugestão de Lula foi direcionada ao vice-presidente e ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Geraldo Alckmin (PSB).

"Falei para o Alckmin: 'Que tal a gente fazer uma ‘aberturazinha’ para a linha branca?' Facilitar a compra de geladeira, de televisão, de máquina de lavar roupa. As pessoas, de quando em quando, precisam trocar os seus utensílios domésticos. Quando a geladeira velha está batendo, não está gelando a cerveja bem, e está gastando muita energia, você tem que trocar. E, se está caro, vamos baratear, tentar encontrar um jeito", declarou Lula.

Na semana passada, Alckmin anunciou o fim dos recursos disponibilizados para baratear carros populares. Foram 125 mil veículos leves vendidos, incluindo também as compras de pessoas físicas e jurídicas. O desconto no período foi de até 21%, com patrocínio do governo e das empresas. O programa continua para veículos pesados.

Acompanhe tudo sobre:EletrodomésticosLuiz Inácio Lula da Silva

Mais de Brasil

Eduardo Leite defende debate sobre adiamento das eleições municipais no RS

Dino nega pedido de desembargadores do TRF-4 para voltarem ao cargo

Onda de calor termina, mas altas temperaturas seguem no RJ; entenda

Cratera se abre em condomínio próximo à obra da Linha 6 do metrô em SP

Mais na Exame