Brasil

Lula pede a Haddad indicação de nomes da Educação para equipe de transição

O pedido, segundo fontes, foi feito pelo próprio presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva, nesta terça-feira, 1º

Haddad é um dos políticos mais próximos a Lula atualmente. Ele figura na lista de possíveis ministeriáveis no governo Lula (Ricardo Stuckert/Divulgação)

Haddad é um dos políticos mais próximos a Lula atualmente. Ele figura na lista de possíveis ministeriáveis no governo Lula (Ricardo Stuckert/Divulgação)

EC

Estadão Conteúdo

Publicado em 1 de novembro de 2022 às 19h20.

Ex-ministro da Educação, o petista Fernando Haddad recebeu a incumbência de indicar nomes da área para a equipe de transição de governo. O pedido, segundo fontes, foi feito pelo próprio presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva, nesta terça-feira, 1º. Na conversa entre os dois, houve uma sinalização de que Haddad não deve ser o coordenador da área educacional nos próximos dois meses, mas caberá a ele a escolha do time.

Haddad é um dos políticos mais próximos a Lula atualmente. Ele figura na lista de possíveis ministeriáveis no governo Lula 3 e é um dos cotados para assumir o Ministério da Fazenda.

Ao passar a missão para Haddad, Lula mencionou especificamente o nome de Neca Setúbal, herdeira do Itaú, e o do instituto Todos pela Educação. Caberá ao ex-ministro e ex-prefeito fazer o contato com Neca e também com Priscila Cruz, do Todos pela Educação, para ouvir sugestões de quadros na área. Ele também tem dito a aliados que pretende conversar com Daniel Cara, dirigente nacional da Campanha Nacional pelo Direito à Educação.

Alvo de escândalos durante o governo Bolsonaro, o Ministério da Educação do governo Bolsonaro teve quatro ministros nos últimos quatro anos - e ainda um quinto que foi nomeado mas não chegou a assumir o cargo.

As indicações de Haddad serão repassadas ao vice-presidente eleito Geraldo Alckmin (PSB), nomeado nesta segunda-feira, 1, o coordenador da equipe de transição.

LEIA TAMBÉM: 

Acompanhe tudo sobre:EleiçõesEleições 2022Fernando HaddadLuiz Inácio Lula da Silva

Mais de Brasil

Deputada Luiza Erundina tem alta de hospital em Brasília após três dias internada

Lula, Haddad, Mercadante e mais: veja repercussão da morte de Maria da Conceição Tavares

São Paulo pode ter dia mais quente de junho neste fim de semana

Mais na Exame