Brasil

Limpeza das ruas na Vila Madalena terá citronela

Três triciclos e dois caminhões varredores com capacidade para 6 mil litros de lixo cada também são armas da Prefeitura para combater a sujeira da "Carnacopa"

Torcida na Vila Madalena, em São Paulo: multidão toma ruas horas antes do jogo (Priscila Zuini/Exame.com)

Torcida na Vila Madalena, em São Paulo: multidão toma ruas horas antes do jogo (Priscila Zuini/Exame.com)

DR

Da Redação

Publicado em 2 de julho de 2014 às 09h41.

São Paulo - Três triciclos, dois caminhões varredores com capacidade para 6 mil litros de lixo cada e até desinfetante biodegradável com aroma de citronela são as novas armas da Prefeitura para combater a sujeira e os odores de urina, fezes e bebidas alcoólicas nas ruas da Vila Madalena, na zona oeste, após as festas da "Carnacopa" nos jogos da seleção.

A operação entrará em vigor nesta sexta-feira, quando o Brasil enfrentará a Colômbia, às 17h, em Fortaleza, segundo o consórcio Inova.

Os caminhões serão usados durante a madrugada, sempre a partir das 2h, com o apoio dos garis, após bares e restaurantes fecharem e as ruas ficarem vazias, sem a multidão.

Já os triciclos, que serão usados pela primeira vez, aguardam licenciamento no Departamento Estadual de Trânsito (Detran). Cada um dos veículos tem capacidade para 250 quilos ou 1 mil litros de lixo, segundo a Inova, consórcio responsável pela limpeza da cidade.

Os novos equipamentos e a citronela se juntam às equipes de varrição e ao caminhão-pipa com água reutilizável. "Estamos dando a máxima atenção possível para minimizar os impactos", afirmou Simão Pedro, secretário municipal de Serviços.

"Durante os jogos e com a rua ainda cheia, nós não conseguimos colocar o gari lá dentro", disse o secretário, que afirmou que avalia diariamente a limpeza na região para fazer "adequações necessárias".

Segundo a Prefeitura, na partida entre Brasil e Chile do sábado passado, 58 toneladas de lixo foram retiradas do bairro. Ao todo, 250 agentes da Prefeitura trabalharam durante a madrugada para limpar a área.

Permanente

A Prefeitura estuda fazer mudanças permanentes na Vila Madalena após a Copa do Mundo. Apesar de ainda estar no campo da discussão, uma das medidas propostas que estão sendo avaliadas é a construção de banheiros públicos no bairro.

Além da Copa, a Vila Madalena também chamou a atenção durante carnaval, quando a região ficou lotada de foliões por causa dos blocos de rua.

No carnaval deste ano, um motorista avançou contra a multidão, após uma briga de trânsito, deixou frequentadores feridos e acabou sendo preso em flagrante. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Acompanhe tudo sobre:cidades-brasileirasCopa do MundoEsportesFutebolLixoMetrópoles globaissao-paulo

Mais de Brasil

Deputada Luiza Erundina tem alta de hospital em Brasília após três dias internada

Lula, Haddad, Mercadante e mais: veja repercussão da morte de Maria da Conceição Tavares

São Paulo pode ter dia mais quente de junho neste fim de semana

Mais na Exame