Acompanhe:

Cunha terá que homenagear Moro na Câmara

Indicação de Moro foi feita, ironicamente, na mesma semana em que o presidente da Casa pode ser denunciado por corrupção na Petrobras

Modo escuro

Continua após a publicidade

	A indicação do nome de Moro foi feita pelo PPS
 (Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil)

A indicação do nome de Moro foi feita pelo PPS (Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil)

R
Rita Azevedo

Publicado em 19 de agosto de 2015 às, 16h54.

São Paulo – O juiz Sérgio Moro, que comanda as investigações da Operação Lava Jato, será homenageado na Câmara dos Deputados com a Medalha do Mérito Legislativo. A indicação foi feita hoje pelo PPS. 

Ironicamente, a homenagem foi anunciada na mesma semana em que o presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ) pode ser denunciado por envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras. Todos os anos, a entrega da medalha é feita pelo presidente da Casa. 

“O juiz Sérgio Moro dá esperança para milhões de brasileiros que não aguentam mais a corrupção entranhada nas estruturas de governo. Em suas ações, em parceria com a Polícia Federal e o Ministério Público Federal, exerce a Justiça de verdade. Aquela onde ninguém, por mais poderoso que seja, está acima da lei”, afirmou o líder do PPS na Câmara, Rubens Bueno (PR).

A homenagem será feita no dia 18 de novembro.

Saia justa

Desde que foi citado pelo lobista Júlio Camargo como um dos beneficiários do esquema de corrupção na Petrobras, Eduardo Cunha se tornou um dos críticos da atuação de Moro à frente da Lava Jato. 

O deputado chegou a pedir ao Supremo Tribunal Federal (STF) a suspensão da ação em que é citado, mas teve o pedido negado, nesta quarta-feira, pelo ministro Teori Zavascki. 

O argumento de Cunha é que, como possui foro privilegiado, a ação não deveria correr em primeira instância, mas sim no STF.

Zavascki, no entanto, negou o pedido. Em sua opinião, não houve tentativa irregular de investigar o deputado, e sim apenas a citação de Cunha em depoimento. O parlamentar pode recorrer da decisão. 

Últimas Notícias

Ver mais
Lula reitera a chanceler russo disposição do Brasil de colaborar para um acordo de paz na Ucrânia
Brasil

Lula reitera a chanceler russo disposição do Brasil de colaborar para um acordo de paz na Ucrânia

Há 10 horas

Mortes de Ianomâmis em 2023 superam 2022 e governo anuncia hospital exclusivo para indígenas
Brasil

Mortes de Ianomâmis em 2023 superam 2022 e governo anuncia hospital exclusivo para indígenas

Há 10 horas

Após tomar posse no STF, Dino diz que vai atuar com isenção e defende harmonia entre os Poderes
Brasil

Após tomar posse no STF, Dino diz que vai atuar com isenção e defende harmonia entre os Poderes

Há 11 horas

PF prende três homens por suspeita de ajudar os dois fugitivos do presídio federal de Mossoró
Brasil

PF prende três homens por suspeita de ajudar os dois fugitivos do presídio federal de Mossoró

Há 12 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais