Bolsonaro faz apelo para que Congresso resolva Previdência até meio do ano

Proposta de reforma para militares foi entregue na Câmara nesta quarta-feira (20)

Brasília - O presidente Jair Bolsonaro fez um apelo aos parlamentares nesta quarta-feira, ao entregar à Câmara dos Deputados o projeto de lei que trata da reforma da Previdência das Forças Armadas, para que aprovem tanto a proposta dos militares quanto as mudanças previdenciárias gerais até o meio do ano.

Bolsonaro foi à Câmara ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes, do secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, entre outros, e, ao lado do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que o Brasil ficará numa situação complicada se a questão da Previdência não for resolvida.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), defendeu a importância de se equilibrar a estrutura previdenciária de todos os Poderes para que o país possa voltar a crescer.

Maia elogiou o gesto do presidente Jair Bolsonaro, que é capitão da reserva do Exército, de levar pessoalmente para o Congresso o projeto que altera as aposentadorias dos militares.

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.