Brasil

Boca de urna do Ibope mostra Zema em primeiro e Dilma fora do Senado

Até as últimas pesquisas, a ex-presidente aparecia com as maiores intenções de voto para um dos cargos de senador

Dilma liderava as últimas pesquisas para o Datafolha para o Senado em MG (Ueslei Marcelino/Reuters)

Dilma liderava as últimas pesquisas para o Datafolha para o Senado em MG (Ueslei Marcelino/Reuters)

CC

Clara Cerioni

Publicado em 7 de outubro de 2018 às 17h24.

Última atualização em 7 de outubro de 2018 às 18h07.

São Paulo — A ex-presidente Dilma Rousseff (PT), cotada como a principal candidata para ocupar uma das cadeiras no senado por Minas Gerais de acordo com as últimas pesquisas, aparece em quarto lugar na boca de urna do Ibope divulgada na noite deste domingo.

Carlos Viana (PHS) está com 21%, Dinis Pinheiro (Solidariedade) com 18%, Rodrigo Pacheco (DEM), 22% e Dilma Rousseff (PT), 15%.

O resultado foi divulgado pela Globo. Para a pesquisa, o Ibope ouviu 3.200 pessoas neste domingo.

A pesquisa foi encomendada pelo próprio Ibope e está registrada no TRE-SP (Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo) sob o número SP-01991/2018.

Governador

Para o governo mineiro, o candidato do Novo, Romeu Zema, lidera com 41% dos votos. Anastasia aparece em segundo, com 29% e Pimentel em terceiro, com 22%.

Os resultados apontam para um segundo turno para o cargo e também são uma reviravolta em relação às últimas pesquisas.

O último Datafolha, deste sábado, mostrava Anastasia com 40%, Pimentel com 29% e Zema com 24%.

Acompanhe tudo sobre:Antônio AnastasiaDilma RousseffEleições 2018Fernando PimentelIbopePesquisas eleitoraisSenado

Mais de Brasil

Até quando vai o calor em SP? Veja a previsão do clima para os próximos dias

Comissão da Câmara aprova licença-maternidade de 180 dias para policiais militares e bombeiras

Motor de maior avião de passageiros do mundo tem falha em decolagem em São Paulo

Climatempo emite alerta de perigo para RS esta semana; chuva deve voltar ao estado

Mais na Exame