Acompanhe:

Alckmin indica 'sinal verde' do Senado sobre benefícios fiscais a montadoras

A medida beneficiaria a montadora chinesa BYD e também atenderia à Stellantis, cuja fábrica em Goiana (PE) tem o benefício tributário válido até o fim de 2025 e poderia ser prorrogado

Modo escuro

Continua após a publicidade
overnador da Bahia, Jerônimo Rodrigues (PT) também anunciou durante o evento da BYD outra medida que deve favorecer a empresa (Mateus Bonomi/Anadolu Agency/Getty Images)

overnador da Bahia, Jerônimo Rodrigues (PT) também anunciou durante o evento da BYD outra medida que deve favorecer a empresa (Mateus Bonomi/Anadolu Agency/Getty Images)

O vice-presidente da República e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, Geraldo Alckmin, disse nesta segunda-feira, 9, ter ouvido de senadores baianos que há um entendimento do Senado a favor de "manter por mais um período" os incentivos tributários à produção de automóveis no Nordeste no texto da reforma tributária sobre consumo.

Durante a votação da proposta na Câmara, por um voto foi derrubada a emenda que definia que projetos industriais nas regiões Nordeste, Norte e Centro-Oeste aprovados até o fim deste ano poderiam usufruir de benefícios tributários de PIS, Cofins e IPI até o fim de 2032.

Reflexo na BYD

A medida beneficiaria a montadora chinesa BYD. A declaração de Alckmin foi dada justamente no evento de lançamento da pedra fundamental que marca o início das obras para que a empresa, maior fabricante de carros elétricos do mundo, comece sua produção na Bahia, na cidade de Camaçari.

Questionado se o governo trabalharia para reverter a derrota envolvendo a redução de IPI para montadoras que se instalem na região Nordeste, Alckmin evitou expor a posição do governo. Disse, contudo, ter ouvido um retorno positivo de senadores sobre a emenda. "Com relação aos incentivos fiscais, o governo Lula é do diálogo e entendimento, é assim que tem avançado (...) E nós ouvimos hoje dos senadores da Bahia que há um entendimento no Senado com o relator para manter por mais um período os benefícios a que você se referiu", se limitou a dizer o ministro.

Vantagens para a Stellantis

Como mostrou o Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado), além da BYD, a medida também atenderia à Stellantis, cuja fábrica em Goiana (PE) tem o benefício tributário válido até o fim de 2025 e poderia ser prorrogado. No Senado, a reforma tributária é relatada pelo senador Eduardo Braga, do MDB do Amazonas.

Na Câmara, a emenda enfrentou resistência de representantes dos Estados do Sul e do Sudeste, como Rio de Janeiro e São Paulo, que apoiaram um destaque supressivo apresentado pelo PL para retirar o trecho da proposta.

Governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues (PT) também anunciou durante o evento da BYD outra medida que deve favorecer a empresa.

Segundo ele, a Assembleia Legislativa vai receber do governo estadual uma proposta para isentar o IPVA de carros totalmente elétricos com valor de até R$ 300 mil.

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Quais as investigações contra Bolsonaro no STF?
Brasil

Quais as investigações contra Bolsonaro no STF?

Há 6 horas

Como registrar uma marca no INPI? Passo a passo para produto ou serviço
Guia do Cidadão

Como registrar uma marca no INPI? Passo a passo para produto ou serviço

Há 7 horas

Dino vai herdar 344 processos no STF; veja os principais
Brasil

Dino vai herdar 344 processos no STF; veja os principais

Há 8 horas

Dino pode ficar 20 anos no STF e se aposentar em 2044
Brasil

Dino pode ficar 20 anos no STF e se aposentar em 2044

Há 8 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais