Tim Cook revela sua condição para rede social Parler retornar à Apple

Após o encerramento da conta de Trump no Twitter, as grandes empresas da tecnologia Google, Apple e Amazon retiraram o Parler de seus serviços

A conservadora rede social Parler, cujo download foi suspenso pela Apple por incitar à violência, poderá retornar se modificar a forma como modera o conteúdo, disse o CEO da Apple, Tim Cook, no domingo (17).

Questionado na Fox News, o chefe do grupo californiano justificou a suspensão da rede, popular entre os partidários do presidente Donald Trump, em meio ao "incitação à violência" no contexto do ataque ao Capitólio em 6 de janeiro.

Após o encerramento da conta de Trump no Twitter, as grandes empresas da tecnologia Google, Apple e Amazon retiraram o Parler de seus serviços em 9 de janeiro.

“Examinamos os apelos à violência” nas mensagens “e consideramos que existe um limite entre a liberdade de expressão e o incitamento à violência”, afirmou o chefe da Apple.

A rede conservadora processou a Amazon na segunda-feira porque acredita que sua suspensão foi motivada por considerações políticas e pelo desejo de reduzir a competição em benefício do Twitter.

No caso da Apple, "apenas suspendemos a rede", disse Cook. “Se você reformar sua política de moderação (de conteúdo), poderá voltar” a ficar disponível na loja de downloads da marca, garantiu.

A popularidade de Parler disparou após a remoção do Twitter da conta de Trump após violentos incidentes no Congresso. No dia em que foi retirado pela Apple, era o aplicativo mais baixado na plataforma.

Como outras plataformas alternativas, o Parler regula menos a desinformação e o discurso de ódio do que as redes estabelecidas.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 1,90

Nos três primeiros meses,
após este período: R$ 15,90

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.