PME

Empresas mineiras investem no visual e aumentam lucro

Faturamento de drogaria em Diamantina cresceu em 30% após mudanças

A Pousada do Garimpo é uma das cinco empresas de Diamantina na lista de espera para a consultoria em merchandising (Divulgação)

A Pousada do Garimpo é uma das cinco empresas de Diamantina na lista de espera para a consultoria em merchandising (Divulgação)

DR

Da Redação

Publicado em 14 de março de 2012 às 16h05.

Belo Horizonte - De uma simples drogaria a um centro de conveniência. A mudança de estratégia colocou a drogaria Arraial, em Diamantina, cerca de 300 km de Belo Horizonte, em um novo patamar de competitividade. Há oito anos no mercado, a drogaria foi uma das 21 empresas atendidas pelo Sebrae em Minas Gerais em um projeto de merchandising visual.

A drogaria foi ampliada e ganhou novas cores na fachada, iluminação adequada, novo mobiliário e sinalização visual. “As mudanças contribuíram para o incremento de 30% no faturamento de janeiro de 2012, em relação ao mês anterior”, afirma Guilherme Neves, proprietário da drogaria e vice-presidente da Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Diamantina.

Segundo Guilherme, a discussão de ideias sobre o negócio fez com que ele identificasse falhas, mas, principalmente, oportunidades de atuação. “Gostei tanto do resultado que investi 40% além do projeto”, afirma o empresário que aumentou o mix de produtos em 40%.

Também em Diamantina, o Sebrae em Minas Gerais atendeu varejistas associados ao Grupo Triângulo. A identidade visual da antiga empresa era considerada um entrave para o seu crescimento, segundo o gestor do grupo, Rafael Timo.“Optamos pela reformulação e padronização de nossa logomarca, o que propicia um maior retorno de receita e publicidade”, afirma.

Eduardo de Campos, um dos empresários do grupo, está confiante em relação à reformulação da identidade visual de sua loja. “A iniciativa veio na hora certa e contribuiu para o incremento de 20% nas vendas”, afirma. Proprietário da Pompeu Lar Shopping e presidente do Grupo Triângulo, Eduardo também investiu na troca de show room já que deixará de comercializar eletrodomésticos para focar na venda de móveis planejados.


Dezesseis lojas do grupo receberam consultorias individuais em merchandising nos municípios de Diamantina, Guaraciama, Bocaiúva, Minas Novas, Turmalina, Carbonita, Serro, Pompéu e Paraopeba. As adaptações nas lojas serão concluídas até junho de 2012, com a reformulação da identidade visual das lojas (logomarca, papelaria e uniforme) e do design de ambientes (reforma de fachadas, sinalização interna e externa, exposição de produtos, troca de mobiliário, iluminação, vitrine, pintura e revestimento interno).

A Pousada do Garimpo é uma das cinco empresas de Diamantina na lista de espera para a consultoria em merchandising. Segundo a proprietária, Mariana Pereira, que planeja a reforma do restaurante e melhoria dos espaços da pousada, a nova roupagem do comércio de Diamantina foi o grande incentivo para a busca de melhorias.

As consultorias de merchandising visual fazem parte do Programa Sebraetec. Segundo a técnica do Sebrae em Minas Gerais, Luciana Silva, o programa foi desenvolvido em três etapas: diagnóstico individual, elaboração de relatório de merchandising e entrega de resultados para implantação. O projeto foi subsidiado em 80% pelo Sebrae em Minas Gerais e contribuiu para elevar a qualidade e a competitividade das empresas.

Acompanhe tudo sobre:MerchandisingMinas GeraisPequenas empresas

Mais de PME

Mais na Exame