PME
Acompanhe:

Amil e Reafro lançam projeto para capacitar afroempreendedores brasileiros

O programa “Afronegócios Virando a Onda” vai oferecer mentorias e cursos para impulsionar 200 micro e pequenos negócios participantes

Empreendedorismo: no Brasil, 45% dos empreendedores negros criam um negócio por necessidade (10'000 Hours/Getty Images)

Empreendedorismo: no Brasil, 45% dos empreendedores negros criam um negócio por necessidade (10'000 Hours/Getty Images)

C
Carolina Ingizza

12 de novembro de 2020, 13h52

A Rede Brasil Afroempreendedor (Reafro) anuncia o lançamento de um programa feito em parceria com a UnitedHealth Group Brasil, dona da Amil, para apoiar 200 afroempreendedores e afroempreendedoras brasileiros. A iniciativa, chamada de “Afronegócios Virando a Onda”, vai oferecer mentorias e cursos gratuitos para os micro e pequenos negócios participantes.

“O objetivo desse programa é gerar uma grande onda de fortalecimento do afroempreendedorismo para ajudar a impulsionar os negócios através da ampliação do conhecimento sobre gestão e oportunidades de mercado”, afirma o vice-presidente de Relações Institucionais do UnitedHealth Group Brasil, Renato Casarotti. O grupo investe 200.000 reais no projeto.

 

Serão selecionados 200 empreendedores do Rio de Janeiro e São Paulo. Eles terão acesso a mentorias individuais e em grupo com o MentPreta, braço de mentorias empresariais da Reafro. A rede também vai oferecer cursos de transformação digital, gestão financeira e plano de negócios da Enafro (escola de negócios da Reafro) para os participantes.

Aparecida da Silva, presidente da Reafro, afirma que o apoio de um grupo do tamanho da UnitedHealth é essencial para amplificar a potência da comunidade preta e parda no país. “Os negros e negras são a maioria dos empreendedores brasileiros. Muitos o fazem por necessidade e falta de oportunidade, então, precisamos capacitar para movimentar ainda mais o cenário econômico no Brasil”, diz a executiva.

Para se inscrever no “Afronegócios Virando a Onda”, basta entrar no site da Reafro. O formulário para inscrições fica aberto até o dia 30 de novembro, e os cursos começam a partir do dia 10 de dezembro.