PME
Acompanhe:

10 dicas para empreendedores venderem mais na Páscoa

Confira orientações para o empreendedor pensar desde já em estratégias para atrair o consumidor na data

Páscoa 2022: dicas para empreendedores impulsionarem vendas (Oliver Rossi/Getty Images)

Páscoa 2022: dicas para empreendedores impulsionarem vendas (Oliver Rossi/Getty Images)

D
Da Redação

26 de março de 2022, 09h00

Por Agência Sebrae de Notícias

Entre os meses de março e abril, supermercados e redes de lojas começam a organizar os espaços para vender os produtos de Páscoa. Esse também é um bom momento para as pequenas empresas começarem a própria movimentação para estarem prontas para atender os clientes que desejam presentear nessa época. Veja algumas dicas de como preparar seu negócio para a data:

Como empreendedores podem se preparar para a Páscoa

  • Continue realizando todas as ações de prevenção à Covid-19
    Considere que parte do mercado consumidor ainda está bastante preocupado com o vírus e com o emocional de seus amigos e familiares.
  • Comunique claramente as medidas adotadas pela empresa na prevenção da Covid-19
    Garanta que seu cliente saiba que, além de ótimas oportunidades, seu negócio ainda está atento e respeitando os clientes.

Garanta o seu lugar entre as melhores do Brasil, entre no Ranking Negócios em Expansão 2022

  • Avalie o porcentual de vendas que devem ser realizadas presencialmente e a distância
    As compras feitas de forma remota já estão incorporadas à rotina de grande parte dos consumidores, que gostaram das facilidades que a experiência proporciona.
  • É importante analisar como foram as vendas do ano passado se você já trabalhou nesta data
    Dessa forma, as chances de acabar produzindo mais produtos do que a sua possível demanda atual são menores.
  • Ao usar sua loja online, seja site e redes sociais para oferecer seus produtos, tenha um design atrativo e com temática para a Páscoa
    Garanta uma boa navegabilidade, produza boas fotos ou vídeos, publique informações detalhadas sobre os produtos e assegure-se de que automação está conectada com palavras--chaves (ovos, chocolate, presente, por exemplo).
  • Prepare sua equipe para o atendimento físico e online
    Lembre-se de que o cliente do e-commerce é imediatista, ele quer rapidez, agilidade e não pensará duas vezes para sair da sua página se algo não agradar.
  • Revise os processos de produção e de entregas para ter certeza de que conseguirá dar conta caso sua demanda aumente na Páscoa
    Outro fator que ajuda a impulsionar as vendas é entender quais são as tendências de mercado. Conhecer novas receitas e oferecê-las no catálogo é uma maneira de atrair mais clientes. Exemplo dessa popularidade crescente são os ovos de colher.
  • Tenha diferenciais para se destacar dos grandes mercados e da concorrência em geral
    Uma alternativa são os produtos mais saudáveis ou fitness com menos açúcar ou elaborados para pessoas com restrições alimentares como alergias. Outra opção para atrair o cliente é oferecer kits de confeiteiros para as famílias que preferem ficar em casa e produzir seus próprios ovos, doces, almoços ou petiscos típicos para a data.
  • Atenção especial às embalagens
    Além de proteger os produtos, elas devem também transparecer higiene e, se possível, ter elementos conectados com a data (por ex.: coelhos da Páscoa, ovos, doces etc).
  • Aproveite recursos gráficos, como cartazes, banners, fotos temáticas, pinturas
    Utilize objetos decorativos e irreverentes, como coelhos diferentes dos tradicionais, ovos de vários tamanhos e cores. Ilumine sua vitrine com mais intensidade do que as outras dependências da loja.

A Páscoa não é só chocolate: brindes, brinquedos e itens com motivos ligados à data também podem ser oferecidos ao consumidor.

Assine a EMPREENDA, a nova newsletter semanal da EXAME para quem faz acontecer nas empresas brasileiras!