Exame logo 55 anos
Remy Sharp
Acompanhe:
seloNegócios

Xstrata prevê recuperação de demanda por cobre na China

Empresa também espera aumentar a produção do metal em 60%, ao contrário dos concorrentes

Modo escuro

A Xstrata vende de 30% a 40% do cobre que produz à China (Divulgação)

A Xstrata vende de 30% a 40% do cobre que produz à China (Divulgação)

D
Da Redação

Publicado em 22 de maio de 2012, 07h42.

Sydney - A mineradora global Xstrata acredita que a demanda de cobre na China crescerá no segundo trimestre e prevê aumentar a produção do metal em 60 por cento, ao contrário dos concorrentes, que adotam uma posição mais cautelosa.

A Xstrata é a quarta maior produtora de cobre do mundo, mas trabalha para superar a chilena Codelco e as rivais BHP Billiton e Rio Tinto nos próximos três anos.

A BHP desistiu dos planos de gastar 80 bilhões de dólares em novos projetos de mineração e outros grandes nomes do setor também estão adotando postura de maior cautela diante do enfraquecimento da economia chinesa.

A Xstrata vende de 30 a 40 por cento do cobre que produz à China, onde os estoques estariam tão cheios que as metalúrgicas estariam começando a recorrer a estacionamentos de veículos para guardar o material.

Charlie Sartain, diretor da divisão de cobre da Xstrata, afirmou que um programa de investimento de 7 bilhões de dólares para incrementar a produção de cobre da companhia, principalmente no Chile, Peru, Argentina e Austrália está sendo implementado.

O consumo de cobre refinado da China caiu 6,8 por cento em abril ante março, de acordo com cálculos da Reuters com base em números oficiais.

Como uma mostra do nervosismo no mercado de commodities, os compradores chineses estão adiando ou cancelando as entregas de carvão e minério de ferro, segundo operadores.

No entanto, algumas mineradoras continuam com uma previsão otimista, e a maior produtora de minério de ferro do mundo, a Vale, disse na segunda-feira estar vendendo minério no mesmo ritmo em que produz.

Últimas Notícias

ver mais
Fundadora da Theranos, Elizabeth Holmes começa a cumprir pena de 11 anos de prisão
seloNegócios

Fundadora da Theranos, Elizabeth Holmes começa a cumprir pena de 11 anos de prisão

Há 7 horas
EXAME abre matrículas para curso completo sobre Inteligência Artificial para Negócios
seloNegócios

EXAME abre matrículas para curso completo sobre Inteligência Artificial para Negócios

Há 8 horas
Quem é Clemente Del Vecchio, o bilionário mais jovem do mundo
seloNegócios

Quem é Clemente Del Vecchio, o bilionário mais jovem do mundo

Há 12 horas
Lifelong learning na prática: 3 dicas para impulsionar a cultura de aprendizagem na sua empresa
seloNegócios

Lifelong learning na prática: 3 dicas para impulsionar a cultura de aprendizagem na sua empresa

Há 14 horas
icon

Branded contents

ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

leia mais