Retomada econômica aquece demanda por infraestrutura de microinformática

Oferta de locação de equipamentos, como a da Oi Soluções, permite às empresas focar a digitalização de processos, operações e negócios

Indicadores de atividade econômica sugerem que os piores cenários traçados para o Brasil começam a ficar para trás. O relatório Focus, do Banco Central, que mede expectativas de mercado, no mês passado apontava uma queda de 6,51% no produto interno bruto (PIB). Hoje já projeta uma redução de 6,10%.

A taxa de juro Selic caiu para o mais baixo patamar da história, a inflação está sob controle, a bolsa de valores, após uma queda abrupta causada pela pandemia de covid-19, retomou o crescimento e há, ainda, a expectativa de um ambiente mais promissor de investimentos no Brasil, principalmente em infraestrutura.

As pessoas também estão mais confiantes. A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) divulga mensalmente um estudo que mapeia a visão da população sobre temas que impactam o país, o chamado Observatório Febraban. A edição de junho mostrou que 49% dos entrevistados acreditam que suas finanças voltarão ao patamar de antes da pandemia em até um ano. Destes, 21% apostam que a retomada será ainda mais rápida, em até seis meses.

Esse otimismo se reflete no comércio digital. Dados da Receita Federal apontam um crescimento de 73% na média diária de vendas online entre março e junho. E a expectativa é de expansão do setor de serviços como um todo. Para atender à demanda reprimida pela quarentena imposta pelo novo coronavírus, será preciso contratar profissionais especializados e, consequentemente, disponibilizar equipamentos de informática a eles.

Terceirização

Ao adquirir e manter o próprio parque de hardware, além dos custos dos equipamentos, as empresas precisam arcar com despesas de manutenção e atualização, uma conta que muitas vezes não fecha. Nesse cenário, o outsourcing de equipamentos de microinformática como serviço (PC as a Service, ou "PCaaS"), incluindo a manutenção e o suporte técnico, pode ser uma saída. A Oi Soluções, provedora e integradora de soluções digitais para o mercado corporativo, é referência nesse segmento por meio de seu serviço Oi Informática.

“O PCaaS evita a obsolescência dos equipamentos e reduz custos. Em vez de comprar novos computadores, a empresa os ‘contrata’ como serviço, pagando um valor mensal”, explica Rodrigo Shimizu, diretor de marketing da Oi Soluções.

A ideia é oferecer um modelo de serviço que permita o aluguel de equipamentos, incluindo entrega, instalação e remoção de máquinas com as configurações desejadas, além do atendimento do help desk para reparos em hardware e software. Esse suporte pode ser feito no espaço do cliente ou remotamente, por telefone ou pela internet, e abrange itens como ajustes em hardware e software, detecção, diagnóstico e correção de falhas, além da logística direta e reversa para entrega, instalação e remoção de máquinas, com a limpeza dos discos rígidos dos computadores dos clientes no próprio local.

“O atendimento dos serviços da Oi Informática é realizado por equipes multidisciplinares capacitadas e preparadas para customizar a operação no dia a dia e na infraestrutura de cada cliente”, afirma o executivo.

Foco na digitalização

Com a locação de seu parque de hardware, os gestores de TI passam a contar também com ferramentas de gerenciamento, monitoramento e administração de seu ambiente de TI. Com isso, a área deixa de ser executora para tornar-se gestora de contratos, e seus colaboradores passam a ter mais tempo para o que é realmente importante, a transformação digital de processos, operações e negócios.

Segundo um estudo realizado pela consultoria IDC, com o apoio da Oi Soluções, para 66% dos profissionais de TI, tanto a ativação digital dos modelos operacionais em busca de automação e soluções sem contato quanto o home office adicionado ou expandido como política de recursos humanos são transformações que ocorrerão definitivamente, tendo a tecnologia um papel central nesse processo.

O PCaaS pode ser utilizado por qualquer segmento de mercado, trazendo resultados para indústria, varejo, contact centers, serviços e outros. “Nosso serviço atente clientes corporativos públicos e privados de todas as verticais de atuação”, diz Shimizu.

Ao utilizar o modelo, as empresas podem optar por diferentes configurações de hardware e de serviços, escolhendo o que mais se adapte à sua demanda. Os equipamentos oferecidos pela Oi Informática contemplam desktops e notebooks em três modalidades: básica, intermediária e avançada, de acordo com as configurações de padrão relacionadas a CPU, memória, drive rígido e monitor. E há também quatro opções de tablets.

A Oi Soluções tem investido em seu portfólio de TIC para o segmento nos últimos três anos e provê soluções que se baseiam na robustez e na abrangência da rede Oi, com cerca de 400.000 quilômetros de fibra óptica e uma capilaridade de mais de 36.000 técnicos de campo. Hoje, a empresa atende 57.000 empresas, entre públicas e privadas, distribuídas pelo país, com serviços de segurança, cloud e data center, colaboração, IoT, big data e analytics, aplicações digitais e serviços gerenciados, além de dados, internet e voz. O Oi Informática pertence à família de serviços gerenciados.

 

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 9,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.