LafargeHolcim vende ativos de cimento na China para Huaxin

"Esta transação é um passo ainda mais importante em direção à simplificação de nossas operações na China", disse o presidente-executivo

Zurique – A LafargeHolcim acertou acordo para vender a maior parte de seus ativos de cimento na China que não estejam listados em bolsa para a Cement para a Huaxin Cement, por uma quantia estimada em 208 milhões de francos suíços, disse o grupo franco-suíço de produção de cimento.

“Seguindo nosso anúncio realizado no início da semana de desinvestimento de nossa entidade listada Shuangma, esta transação é um passo ainda mais importante em direção à simplificação de nossas operações na China”, disse o presidente-executivo, Eric Olsen, em um comunicado nesta quarta-feira.

A venda de 13 usinas de produção de cimento e quatro instalações de moagem com capacidade anual para 18 toneladas de cimento, que requer aprovações de regulamentação, além de outros avais, reduziria a dívida líquida em 376 milhões de francos, acrescentou. (Por Michael Shields)

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.