Nissan usa o popular March para duplicar fatia no mercado brasileiro

Montadora já faz test drive e vendas começam em outubro

Rio de Janeiro - Está programado para outubro o lançamento do Nissan March no Brasil, o carro popular da montadora japonesa com o qual ela pretende mais do que duplicar a sua participação no mercado brasileiro.

Hoje com um percentual de 1,6% dos automóveis e comerciais leves vendidos no país, a empresa pretende chegar a 5% nos próximos anos. A expectativa é fruto de um cálculo básico.

Até hoje, o mix de produtos da Nissan atende apenas 25% da demanda por carros no Brasil. Com o March 1.0, a companhia estará no alvo de 75% das intenções de compra.

Há mais de 10 anos no país, somente em 2007 a montadora passou a expandir o seu portfolio, com os modelos Sentra, Tiida e Livina, além de estar sempre renovando a picape Frontier. O preço e os itens de série formam a proposta de valor do March.

O modelo básico com air bag incluído custará menos de R$ 30 mil, incluindo espelhos externos reclináveis, travas elétricas sensíveis à velocidade, imobilizador, computador de bordo, porta-luvas com tampa e porta-cartões, desembaçador traseiro, ar quente, cobertura de bagageiro desmontável, encosto traseiro reclinável e três possibilidades de ajuste da altura do volante.

Já o mais completo, com ar-condicionado, controle remoto para liberação de travas e bagageiro, direção eletricamente assistida, sistema de áudio AM/FM/CD/MP3, com entrada auxiliar para conectar dispositivos de música como o iPod, e quatro buzinas sairá por menos de R$ 35 mil.

Evento para promover a marca

Dentro do seu ciclo como marca, a empresa vive um momento de maturidade, acredita Luiz Pamfilio, gerente regional da Nissan. “A cada dia que passa vemos mais os nossos carros nas ruas, o que dá confiança ao consumidor”, afirma o executivo. “Uma das apostas do March é fazer dele o primeiro carro do filho de um pai que já tem um Nissan”, aponta. 

São essas pessoas que a montadora busca atrair para a segunda edição do Nissan Inova Show em São Paulo neste fim de semana. A marca transformou os tradicionais feirões em um evento itinerante de experiência, treinamento de concessionários e, claro, vendas.

Em três meses passando por 11 capitais, o evento recebeu de 24 mil pessoas e realizou mais de 10 mil test drives de toda a linha 2012, além do Nissan LEAF, o carro 100% elétrico produzido em larga escala e do próprio March.

Além de receber potenciais compradores e treinar os seus parceiros locais, o Nissan Inova Show promove um encontro com empresários interessados em abrir um concessionária da marca.

Hoje, a montadora tem 113 pontos de venda em 26 estados brasileiros e no Distrito Federal. A meta é chegar até o fim de 2012 com 200 e estar ainda mais presente nas ruas e estradas nacionais.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.