S&P 500 supera máxima histórica em meio a amplo rali

Apesar dos ganhos do dia, muitos investidores temem que o mercado esteja se tornando sobrevalorizado

Nova York – As ações dos Estados Unidos avançavam mais de 1 por cento nesta segunda-feira, em amplo rali, com a atividade de fusões impulsionando o índice Standard & Poor’s 500 à máxima histórica.

Às 13h38 (horário de Brasília), o índice Dow Jones avançava 1,1 por cento, para 16.280 pontos. O índice Standard & Poor’s 500 tinha valorização de 1,13 por cento, para 1.857 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq subia 1,04 por cento, para 4.307 pontos.

Apesar dos ganhos do dia, muitos investidores temem que o mercado esteja se tornando sobrevalorizado, após dados recentes abaixo das expectativas. Mas isso tem sido atribuído principalmente ao clima frio, e não a fundamentos econômicos piores.

A RF Micro Devices firmou acordo para comprar a TriQuint Semiconductor por cerca de 1,6 bilhão de dólares, enquanto a Men’s Wearhouse elevou sua oferta em dinheiro pela loja de vestuário masculina rival Jos. A. Bank Clothiers para 63,50 dólares por ação, ante 57,50 dólares.

O papel da RF avançava 15,9 por cento, enquanto a ação da TriQuint ganhava 21,6 por cento. O papel da Men’s Wearhouse, por sua vez, subia 7 por cento, contra alta de 8,4 por cento da ação da Jos. A. Bank.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.