PDG vai emitir R$ 405 mi em recebíveis imobiliários

Os recursos serão destinados a financiamento da construção e incorporação de imóveis e empreendimentos no estado de São Paulo
Empreendimento da PDG em Campinas: oferta será liquidada nesta quinta-feira, dia 14 (.)
Empreendimento da PDG em Campinas: oferta será liquidada nesta quinta-feira, dia 14 (.)
M
Mirela PortugalPublicado em 13/10/2010 às 15:00.

São Paulo - A PDG Securitizadora (PDGRE3) prepara emissão de 405 milhões em certificados de recebíveis imobiliários (CRIs), informa comunicado ao mercado nesta quarta-feira (13). Serão emitidos 1.350 certificados, com valor unitário de 300 mil reais.

Os CRIs terão prazo de 95 meses e 20 dias a partir da data de emissão e remuneração de 107% dos DI - Depósitos Interfinanceiros de um dia. Segundo o prospecto da oferta, os créditos imobiliários vinculados à emissão baseiam-se em cédulas de crédito bancário emitidas pela Goldfarb Incorporações e Construções e pela Agra Empreendimentos Imobiliários. 

A emissão foi aprovada em reunião do conselho de administração da securitizadora, em 27 de agosto. Os recursos obtidos com a distribuição do CRI serão para o financiamento da construção e incorporação de imóveis e empreendimentos nos estados de São Paulo, Mato Grosso do Sul, Goiânia e Rio Grande do Sul. 

A liquidação da oferta será no dia 14 de outubro e a publicação do anúncio de encerramento da oferta, no dia 16.

Siga o Canal de Mercados no Twitter