ETF de criptoativos chega a R$ 1 bilhão captados e já é o 3º maior da B3

Fundo de índice chega a marca bilionária apenas uma semana após início das negociações e mostra aceitação dos investidores pelo mercado cripto

O primeiro ETF de criptomoedas do Brasil, o Hashdex Nasdaq Crypto Fundo de Índice (HASH11), atingiu a marca de 1 bilhão de reais em captação apenas uma semana depois do seu lançamento na B3. O valor coloca o ETF como o terceiro maior da bolsa de valores brasileira.

"Os números desta primeira semana são um indicativo de que os investidores brasileiros buscavam ter mais essa forma de acessar os criptoativos. Em pouco tempo, o HASH11 apresentou para o mercado uma solução segura e simplificada que deve crescer ainda mais nos próximos meses", explica Marcelo Sampaio, CEO da Hashdex.

Diferente dos fundos de investimento em bitcoin - como o que foi lançado recentemente pelo banco BTG Pactual, e também outros como da própria Hashdex - o HASH11 não investe apenas no bitcoin, mas em uma cesta de criptoativos que inclui moedas digitais como ether, stellar, litecoin, bitcoin cash e chainlink, que passam por rebalanceamento trimestral.

Uma semana depois do seu lançamento, o HASH11 chegou a 1,04 bilhão de reais em patrimônio, número que representa um crescimento de 69% em relação ao valor captado na oferta inicial, antes do início das negociações na B3, liderada pelo banco Genial com BTG Pactual, Itaú e Banco do Brasil. Desde então, o HASH11 já conta com 61.500 cotistas, o que indica a enorme aceitação de produtos ligados ao mercado de criptoativos pelos investidores brasileiros.

Cada cota do fundo de índice da gestora Hashdex, que começou a ser negociada ao custo de 47,20 reais, agora está cotada a 55,79 reais, uma alta de 18,1% na última semana, motivada também pela alta dos criptoativos nos últimos dias, em especial o ether, que acumula 60% de ganhos nos últimos sete dias.

No curso "Decifrando as Criptomoedas" da EXAME Academy, Nicholas Sacchi, head de criptoativos da Exame, mergulha no universo de criptoativos, com o objetivo de desmistificar e trazer clareza sobre o funcionamento. Confira.

 

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também