Economia

Pedidos de auxílio-desemprego nos EUA caem 11 mil na semana, a 211 mil

Resultado ficou abaixo da expectativa de analistas consultados pela FactSet, que previam 218 mil solicitações.

Pedido de auxílio-desemprego: expectativa era de 218 mil (Shannon Stapleton/Reuters)

Pedido de auxílio-desemprego: expectativa era de 218 mil (Shannon Stapleton/Reuters)

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo

Agência de notícias

Publicado em 11 de abril de 2024 às 10h57.

O número de pedidos de auxílio-desemprego nos Estados Unidos teve queda de 11 mil na semana encerrada em 6 de abril, a 211 mil, segundo pesquisa divulgada nesta quinta-feira, 11, pelo Departamento do Trabalho do país. O resultado ficou abaixo da expectativa de analistas consultados pela FactSet, que previam 218 mil solicitações.

O total de pedidos da semana anterior foi ligeiramente revisado para cima, de 221 mil para 222 mil. Já o número de pedidos continuados mostrou avanço de 28 mil na semana encerrada em 30 de março, a 1,817 milhão, vindo abaixo do consenso da FactSet, de 1,798 milhão. Esse indicador é divulgado com uma semana de atraso.

Acompanhe tudo sobre:Estados Unidos (EUA)Seguro-desemprego

Mais de Economia

Alckmin destaca compromisso do governo com o arcabouço fiscal

Haddad diz que Brasil é uma “encrenca”, mas que tem potencial de ser “grande”

Brasil está pronto para acordo Mercosul e União Europeia, diz Lula

Nova presidente da Petrobras troca três dos oito diretores da estatal

Mais na Exame