Economia

Países da Ásia-Pacífico concordam em buscar acordo sem EUA

Onze países concordaram em alcançar um grande acordo comercial, a Parceria Trans-Pacífico (TPP), retomado após a saída dos EUA

Trump: "Um acordo de princípio pelo TPP 11 finalmente foi assinado", disse o ministro de Economia japonês (Jonathan Ernst/Reuters)

Trump: "Um acordo de princípio pelo TPP 11 finalmente foi assinado", disse o ministro de Economia japonês (Jonathan Ernst/Reuters)

A

AFP

Publicado em 23 de janeiro de 2018 às 15h51.

Onze países da Ásia-Pacífico concordaram, nesta terça-feira (23), em alcançar um grande acordo comercial, a Parceria Trans-Pacífico (TPP), retomado após a saída dos Estados Unidos, segundo autoridades japonesas.

"Um acordo de princípio pelo TPP 11 finalmente foi assinado e os 11 países concordaram em seguir com os preparativos para assiná-lo", disse o ministro de Economia japonês, Toshimitsu Motegi, à imprensa.

"Isso marca uma nova era para nosso país e o futuro da região Ásia-Pacífico", acrescentou Motegi.

O acordo chegou após uma reunião de dois dias dos negociadores-chefes das 11 nações do TPP em Tóquio.

Os 11 vão trabalhar para assinar um acordo final no começo de março, disse uma nota.

O acordo incluiria todos os compromissos do TPP original, exceto algumas cláusulas temporariamente suspensas e alguns questões remanescentes a serem concluídas.

O presidente americano deixou o TPP em janeiro do ano passado, chamando o acordo de "assassino de empregos" e lançando dúvidas sobre o futuro do pacto.

Diversos membros, contudo, lutaram para sua retomada após a saída dos Estados Unidos, sobretudo Nova Zelândia e Japão.

Acompanhe tudo sobre:ÁsiaComércio exteriorDonald TrumpEstados Unidos (EUA)Parceria Transpacífico

Mais de Economia

Repasses federais ao RS poderão ser consultados na internet

Argentina entra em recessão técnica após PIB cair 5,1% em meio a medidas de Milei

Lula e Fernando Henrique se encontram em São Paulo

INSS: dados de milhões de beneficiários ficam expostos depois de múltiplos acessos suspeitos

Mais na Exame