Acompanhe:

Opep mantém previsão de alta na demanda global por petróleo em 2023, em 2,3 milhões de bpd

Para o ano já encerrado de 2022, o cartel reafirmou sua estimativa de aumento na demanda global em 2,5 milhões de bpd

Modo escuro

Continua após a publicidade
Fora da OCDE, a previsão é de avanço em torno de 2,3 milhões de bpd no consumo em 2023. (Leonhard Foeger/Reuters)

Fora da OCDE, a previsão é de avanço em torno de 2,3 milhões de bpd no consumo em 2023. (Leonhard Foeger/Reuters)

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) manteve sua previsão de alta na demanda global por petróleo em 2023, em cerca de 2,3 milhões de barris por dia (bpd), segundo relatório mensal publicado nesta quinta-feira, 11.

Para o ano já encerrado de 2022, o cartel reafirmou sua estimativa de aumento na demanda global em 2,5 milhões de bpd.

Apenas a demanda em países que integram a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento (OCDE) deverá crescer quase 100 mil bpd este ano, projeta a Opep.

Fora da OCDE, a previsão é de avanço em torno de 2,3 milhões de bpd no consumo em 2023.

Oferta fora do grupo

A Opep também manteve sua previsão para o aumento da oferta de petróleo entre países fora do grupo em 2023, em 1,4 milhão de barris por dia.

Os países que devem mais contribuir para o incremento da oferta em 2023 são EUA, Brasil, Noruega, Canadá, Casaquistão e Guiana, diz a Opep.

Por outro lado, é esperada redução na oferta da Rússia. Para o ano já fechado de 2022, a Opep reiterou sua estimativa de acréscimo da oferta em 1,9 milhão de bpd.

Ainda no relatório, a Opep informa que sua produção teve queda de 191 mil bpd em abril ante março, para uma média de 28,60 milhões de bpd, de acordo com fontes secundárias.

LEIA TAMBÉM:

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Aumenta a confiança da indústria, diz pesquisa da FGV
Economia

Aumenta a confiança da indústria, diz pesquisa da FGV

Há 22 horas

IFI reduz estimativa para dívida bruta em 2024, de 78,8% para 77 7% do PIB
Economia

IFI reduz estimativa para dívida bruta em 2024, de 78,8% para 77 7% do PIB

Há um dia

Blinken diz que Argentina 'pode contar' com EUA para estabilizar sua economia
Economia

Blinken diz que Argentina 'pode contar' com EUA para estabilizar sua economia

Há um dia

Governo prorroga inscrições de programa para participação de mulheres no comércio exterior
Economia

Governo prorroga inscrições de programa para participação de mulheres no comércio exterior

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais