Economia

GOL e Etihad iniciam compartilhamento de voos no Brasil

Conforme o comunicado divulgado nesta quarta-feira, 24, os voos operados pela GOL passam a ser comercializados pela empresa aérea dos Emirados Árabes Unidos


	Etihad: desde junho de 2013, ela já transportou mais de 155 mil passageiros entre Abu Dhabi e São Paulo
 (Wikicommons)

Etihad: desde junho de 2013, ela já transportou mais de 155 mil passageiros entre Abu Dhabi e São Paulo (Wikicommons)

DR

Da Redação

Publicado em 24 de setembro de 2014 às 17h04.

São Paulo - A companhia aérea GOL e a Etihad Airways deram início à parceria de code-share no país, após a aprovação do acordo de compartilhamento de voos pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), em agosto.

Conforme o comunicado divulgado nesta quarta-feira, 24, os voos operados pela GOL passam a ser comercializados pela empresa aérea dos Emirados Árabes Unidos, com sede em Abu Dhabi.

Segundo a nota da GOL, com a iniciativa, os clientes terão um maior número de conexões de São Paulo para 21 destinos no Brasil e América Latina, incluindo Uruguai, Chile e Argentina.

Desde junho de 2013, a Etihad já transportou mais de 155 mil passageiros entre Abu Dhabi e São Paulo.

As duas aéreas possuem, ainda, acordo de interline que permite a venda pela Etihad em toda malha da GOL.

Ainda conforme o comunicado, em breve, as empresas implementarão um acordo de Frequent Flyer Program (FFP) por meio do qual oferecerão a todos os clientes os benefícios dos seus respectivos programas de milhagem, o Smiles, da GOL, e o Etihad Guest, da Etihad Airways.

Acompanhe tudo sobre:acordos-empresariaisAviaçãoCadecompanhias-aereasEmpresasEmpresas brasileirasEtihadGol Linhas AéreasServiçosSetor de transporte

Mais de Economia

Número de trabalhadores sindicalizados cai pela metade em 11 anos, diz IBGE

Governo avalia propostas para compensar desoneração da folha neste ano

Lula reclama de decisão do Banco Central sobre taxa de juros: ‘Uma pena que manteve’

Plano Real, 30 anos: Carolina Barros, do BC, e a jornada do Real ao Pix

Mais na Exame