Um livro sobre o ano que se recusava a passar

Mais do que nunca, escrever constituiu uma saída para uma dimensão que oferecia certo alento e, em algum lugar, abrigava esperanças
O livro inclui alguns artigos publicados aqui na Exame, textos com humor e também uma viagem pelo universo de ficção com alguns contos muito interessantes (Divulgação/Divulgação)
O livro inclui alguns artigos publicados aqui na Exame, textos com humor e também uma viagem pelo universo de ficção com alguns contos muito interessantes (Divulgação/Divulgação)
S
Sérgio Cavalcanti

Publicado em 29/07/2021 às 17:12.

Última atualização em 29/07/2021 às 17:35.

Por: Sergio Cavalcanti

O ano de 2020 — com a pandemia de covid-19, seus confinamentos e respectivas limitações — se arrastou, recusando-se a passar. Mais do que nunca, escrever constituiu uma saída para uma dimensão que oferecia certo alento e, em algum lugar, abrigava esperanças.

Ao longo do ano, registrei as emoções, dúvidas e angústias que povoaram minha alma nesse ano difícil, muito difícil.

O resultado dessas reflexões é um conjunto de crônicas e contos reunidos no livro CARTAS SOBRE O TEMPO que acabo de lançar pela Editora Morena.

O livro inclui alguns artigos publicados aqui na Exame, textos com humor e também uma viagem pelo universo de ficção com alguns contos muito interessantes.

Para uma degustação e compra do livro, basta clicar no link abaixo.

www.editoramorena.com.br/loja

Obrigado por seu apoio, caro leitor.