Ativista faz protesto na abertura do Salão do Automóvel

O manifestante subiu ao palco durante discurso de abertura do evento

São Paulo - Um ativista do Greenpeace realizou um protesto nesta quinta-feira, 30, durante a abertura do 28º Salão do Automóvel. Durante a fala do presidente da Reed Exhibitions (empresa organizadora do evento), Juan Pablo de Vera, o rapaz subiu ao palco com uma faixa "Chega de enrolação. Carros eficientes já" e se posicionou em frente às cadeiras onde as autoridades estavam sentadas, entre elas o governador Geraldo Alckmin (PSDB), o prefeito Fernando Haddad (PT) e o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Mauro Borges.

A equipe do cerimonial do Palácio dos Bandeirantes tentou retirar o manifestante do palco, mas o governador Geraldo Alckmin pediu que seus funcionários deixassem o ativista continuar o protesto.

O presidente da Reed, então, continuou no discurso de abertura. Somente após Juan Pablo encerrar a fala os seguranças do evento retiraram o rapaz do palco, que saiu sem demonstrar resistência.

O salão abre as portas ao público do Anhembi nesta quinta-feira, 30, às 14 horas, após cerimônia de inauguração.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.