A página inicial está de cara nova Experimentar close button
Conheça o beta do novo site da Exame clicando neste botão.

Ganhar dinheiro com arte? Empresa conseguiu investimento no Shark Tank

Recebendo a minha confiança - e o meu dinheiro -, a Dionisio Arte provou no programa da Sony Brasil que o mundo artístico pode gerar negócios lucrativos

Você acredita que a arte pode virar um negócio? Eu sou uma apaixonada pelo mundo das artes e, além de ser sócia voluntária do Museu de Arte Contemporânea de Sorocaba, apostei em um investimento artístico no programa Shark Tank Brasil, da Sony, do qual sou jurada. 

A Dionisio Arte - fundada por Jean Paschalis, Rafael Araujo e Victor Barros -  é uma agência de comunicação visual voltada para o mundo da arte, que busca levar um olhar artístico para dentro das empresas. Eles se autodenominam uma agência de arte corporativa e o objetivo é conectar artistas com as empresas que têm interesse em inserir a arte no seu dia a dia.

Mas será que a arte é um negócio lucrativo? Aparentemente, para a Dionisio (e para mim), sim. Eles têm em seu leque de clientes gigantes como Bayer, Burger King, TIM, Ford, Vivo, Hering, Alelo, Marvel, Disney, Itaú e outros. 

Você consegue imaginar o seu negócio na capa da EXAME? Nós conseguimos! Entenda como.

A arte de fazer negócio

A minha paixão foi um dos motivos que fizeram eu me interessar pela proposta, mas é claro que no mundo do empreendedorismo, só paixão não basta. Um ponto que despertou o meu interesse para a Dionisio foi o modelo de negócio que conecta artistas com as empresas. A proposta deles é levar diversos formatos de manifestações artísticas como pintura, grafite e esculturas para os ambientes corporativos.  Além disso, também oferecem o serviço completo, desde a curadoria de conteúdo até a execução da obra de arte. “Nosso trabalho é full service e passa pela curadoria, produção, execução, entrega, parte financeira e burocrática dos projetos”, diz a empresa. 

O Jean Paschalis bateu um papo comigo no quadro PontaPé Empreendedor, que vai ao ar a cada 15 dias, na segunda-feira, no Instagram da EXAME (confere o vídeo no final do texto). Ele explicou que o objetivo principal da Dionisio ao participar do Shark Tank Brasil era conseguir o famoso networking. "Nós precisávamos muito do relacionamento dos jurados, que são influentes dentro da área em que a gente atua", conta.

Além da visibilidade e dos investimentos conseguidos no Shark Tank Brasil, a Dionisio também conta com o apoio de artistas no negócio. O grafiteiro Eduardo Kobra é o curador do projeto e analisa quais artistas se encaixam no perfil da empresa. Outro nome de peso é o ator Caio Castro, que além do investimento, também ajudou na expansão da imagem da marca. 

A Dionisio chegou ao reality show de empreendedorismo com uma margem de 47% de lucro, outro ponto que contou como positivo na minha decisão de apostar no negócio. Afinal, quando uma empresa tem uma margem de lucro muito pequena, coisa de 5%, se ocorre uma crise, ela já está em uma situação muito ruim. Então a boa margem de lucro chama a atenção do investidor. 

Os fundadores da Dionisio já trabalham na expansão do negócio a partir de um e-commerce iniciado após a participação no Shark Tank. Para mim, a proposta da empresa populariza o mundo da arte, que é uma área que ainda tem muito braço para negócio, tem um papel social, educativo, tem o lado das empresas e dos artistas. É importante dar visibilidade a tudo isso, porque é um ramo que gera negócio, emprego e oportunidade. 

Paschalis terminou nosso bate-papo explicando que a missão da empresa é educar artisticamente a população brasileira. “Para a arte evoluir no Brasil no quesito arte, é preciso educar as pessoas. Esse cenário já está mudando, mas é necessário educar a sociedade para o que a gente tem de melhor aqui, nós temos artistas incríveis, e um percurso muito longo e de sucesso pela frente”. 

Tire o seu negócio do papel 

Muitas pessoas sonham em empreender, mas também sentem medo de começar algo do zero. Como te expliquei, eu sei que muitas dúvidas permeiam quem está pensando em entrar nesta jornada do negócio próprio. Por isso, eu me uni à EXAME Academy, para criar o "Do Zero ao Negócio".

O meu primeiro curso de empreendedorismo tem o objetivo de ajudar a alavancar ou começar negócios do zero por meio de uma imersão em todo o conhecimento e experiência adquiri atuando e me tornando uma referência no ramo nos últimos 16 anos.

Se você está em dúvidas se esse curso pode realmente te ajudar saiba que ele é indicado para quem:

  • Tem uma ótima ideia de negócio, mas não sabe por onde começar a colocá-la em prática;
  • Já tem um negócio, mas sente que ainda tem dúvidas sobre como transformá-lo em um empreendimento de sucesso;
  • Sonha em começar um negócio — seja ele qual for — mas sente medo;
  • Já teve um negócio que, por algum motivo, não foi para frente.

Se você se encaixa em algum desses casos, vem comigo, é só acessar aqui e conhecer mais sobre o curso Do Zero ao Negócio.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também