Future of Money
Acompanhe:

Valor alocado em aplicações de finanças descentralizadas cresce 4.000% em um ano

TVL, métrica que mede o valor alocado em aplicações de DeFi, passa de 1 bilhão para quase 40 bilhões de dólares em um ano e mostra crescimento do setor

 (Frank Lee/Getty Images)

(Frank Lee/Getty Images)

M
Marie Huillet, Cointelegraph

10 de fevereiro de 2021, 13h00

O valor total alocado em aplicações de finanças descentralizadas (DeFi) — medida do valor total dos criptoativos bloqueados no ecossistema DeFi — registrou um novo recorde histórico nesta quarta-feira, 10, quando chegou próximo a 40 bilhões de dólares.

De acordo com o site de estatísticas DeFi Pulse, o valor atingiu a marca de exatos 39,79 bilhões de dólares na manhã de 10 de fevereiro. Em janeiro de 2020, o TVL estava próximo de 1 bilhão de dólares, o que indica um crescimento de quase 4.000% em relação ao valor atual.

Embora o marco seja, sem dúvida, também um reflexo da alta do mercado de criptoativos de forma geral, como métrica, o valor total alocado (TVL, na sigla em inglês), ajuda a traçar um panorama sobre o que realmente está acontecendo no universo DeFi.

No entanto, essa métrica não é muito confiável, já que rastreia principalmente o impacto superficial do valor em dólar de tokens ligados a este ecossistema, como o ether (ETH) e outros ativos relacionados, que estão alocados como garantia em vários projetos e aplicativos DeFi. Quando o valor desse criptoativos dispara, o TVL também dispara. Por isso, um TVL alto não significa necessariamente uma maior participação ou atividade no ecossistema DeFi.

Por esse motivo, vale a pena olhar para uma métrica paralela, desenvolvida pela DappRader, chamado TVL Ajustada, que rastreia as mudanças no valor total alocado no ecossistema enquanto fixa os preços dos ativos para o início de período que está sendo analisado. Isso dá mais informações sobre o que está acontecendo no ecossistema sem a "névoa" da volatilidade de preços dos criptoativos.

Valor total ajustado e bruto alocado por DappRadar

O gráfico da DappRadar, embora menos dramático — pelo menos à primeira vista — do que o valor bruto do TVL, mostra, no entanto, que realmente houve um aumento constante na entrada líquida de ativos para o ecossistema DeFi nos primeiros meses de 2021. Em 9 de fevereiro, o TVL ficou em 19,15 bilhões de dólares, em comparação com 14,91 bilhões em 1º de janeiro, indicando um crescimento de cerca de 35% em apenas um mês.

Para desenvolvedores de tecnologia e aqueles que investem nas perspectivas de longo prazo dos projetos de DeFi, o crescimento apontado pelo TVL Ajustado, apesar de menos espetacular é ainda bastante significativo e aponta o crescimento rápido e acentuado do ecossistema.

por Cointelegraph Brasil