A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Holistix: startup que repensa o bem-estar recebe aporte de R$ 8 milhões

Vendendo online produtos como raspador de língua, vitaminas e almofadas térmicas, a empresa conquistou 50.000 clientes

Raspadores de língua, escovas corporais e óleos essenciais: esses produtos de saúde e bem-estar estão ganhando espaço na rotina dos brasileiros e impulsionam o crescimento de novas marcas digitais, como a Holistix. A startup, fundada em 2019 pelas sócias Nathalia Simões e Nicole Vendramini, conquistou mais de 50.000 clientes no país e chamou a atenção de um grupo seleto de investidores.

A companhia acaba de concluir uma captação de R$ 8 milhões com a Anjos do Brasil, na maior rodada já realizada pelo grupo. "Precisamos de investimento para criar a marca forte que a gente sempre quis ter no mercado de bem-estar, mas procuramos investidores que poderiam aportar valor. Com os anjos, conseguimos ajuda para organizar as importações e fazer due diligence em empresas da China em plena pandemia", diz Nathalia Simões ao EXAME IN.

Investiram na empresa nomes como Lodovico Brioschi (cofundador da Amaro), Carlos de Barros (diretor da Dasa Diagnósticos), André Barrence (diretor do Google for Startups) e Ben Bommert (ex-Dafiti). Segundo Cassio Spina, fundador da Anjos do Brasil, a proposta das sócias de construir uma marca de bem-estar vertical e focada no consumidor foi o que conquistou os anjos. “Percebemos que os consumidores querem cada vez mais opções para não depender tanto de medicamentos. Com a pandemia, a busca por formas de melhorar a saúde física e emocional só aumentou”, diz o investidor.

A Holistix nasceu da junção das experiências das duas sócias. Vendramini, que trabalhou no marketing de grandes empresas de alimentos, como Nestlé e Unilever, decidiu dar uma pausa na vida corporativa para estudar saúde holística e nutrição na Espanha. Lá, conheceu Simões, que havia deixado sua sua carreira no mercado financeiro para cursar um MBA e depois empreender.

Juntas, elas criaram o conceito da startup: uma marca digital, que trabalha oferecendo tanto conteúdo como produtos para os clientes que buscam uma rotina mais saudável. A proposta da empresa segue a trilha já percorrida por marcas nativas digitais brasileiras como Sallve (de cosméticos femininos), Dr. Jones (de cosméticos masculinos), Livo (de óculos) e Zissou (de colchões).

Holistix Escova seca e raspador de cobre: os dois produtos são os mais vendidos do site da Holistix

Escova seca e raspador de cobre: os dois produtos são os mais vendidos do site da Holistix (Holistix/Divulgação)

Com um público predominantemente feminino, na faixa entre 30 e 45 anos, a marca oferece produtos que são alternativas naturais de saúde e beleza. O primeiro item de sucesso da empresa foi o raspador de língua de cobre, que promete melhorar a higiene bucal. Ao lado dele, o golden mix (mistura em pó à base de cúrcuma) e a escova de esfoliação corporal são os itens queridinhos do público — hoje, a empresa acumula mais de 190.000 seguidores no Instagram e projeta faturar cerca de R$ 20 milhões em 2021. Por mês, o negócio cresce 20%.

O aporte dos investidores-anjo permitirá que a marca verticalize ainda mais sua operação, criando um centro de logística próprio. "Muitos dos nossos produtos são importados, mas poder separar e embalar as entregas com nosso cuidado será um passo importante. Em termos de volume, já temos o suficiente para justificar uma operação própria", diz Vendramini.

Para se aproximar ainda mais dos clientes, a marca lançou um novo site para publicar informações sobre saúde física e mental. Os conteúdos, segundo as sócias, vão girar em torno de sete pilares: saúde, corpo, rotinas, alimentação, relacionamentos, autoconhecimento e produtos. Já no mundo físico, a empresa acaba de lançar sua primeira loja pop up, na cidade de São Paulo. Ambição para crescer não falta. Segundo as fundadoras, o objetivo é ter “a maior empresa de bem-estar do país”.

Assine a EXAME e acesse as notícias mais importantes em tempo real.

De 1 a 5, qual sua experiência de leitura na exame?
Sendo 1 a nota mais baixa e 5 a nota mais alta.

Seu feedback é muito importante para construir uma EXAME cada vez melhor.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também