Logo Exame.com
Fusões e Aquisições

Não deu para a Allos: Iguatemi e fundo BB compram fatia do Shopping RioSul

Companhia e fundo fecharam acordo com famílias acionistas para comprar participação da Brookfield e vão deter 49,9% de participação; investimento do Iguatemi será de R$ 360 milhões

Rio Sul: Iguatemi vai deter 16% do ativo (Shopping Rio Sul/Reprodução)
Rio Sul: Iguatemi vai deter 16% do ativo (Shopping Rio Sul/Reprodução)
Raquel Brandão

Raquel Brandão

8 de julho de 2024 às 19:05

Depois de uma reviravolta que tirou a Allos do páreo, foi o Iguatemi quem levou a melhor e ficou com uma fatia do Shopping RioSul, na capital fluminense.

O investimento do Iguatemi será de R$ 360 milhões, avaliando o primeiro shopping center do Rio de Janeiro em R$ 2,4 bilhões. O negócio, que faz a companhia colocar os pés no Rio novamente, acontece depois de o Iguatemi vender sua participação no Iguatemi São Carlos e uma fatia de 18% no Iguatemi Alphaville.

O Iguatemi celebrou acordo com a Combrashop, dona de 46% do shopping, para participar do investimento destinado à aquisição de totalidade das ações da Brasc, veículo da Brookfield, em meio ao processo de desinvestimentos da canadense. A Brasc detém 54% no empreendimento.

O Iguatemi participará da operação em conjunto com o fundo de investimento imobiliário BB Premium Malls, do Banco do Brasil.

Em maio, a Allos, em um consórcio composto também por fundos imobiliários do BTG Pactual (do mesmo grupo de controle da EXAME), Vinci, XP e Capitânia, havia assinado um memorando para comprar a fatia da canadense, mas a Combrashop decidiu exercer o direito de preferência – o que levou à suspensão das negociações.

A companhia e o fundo farão a subscrição de Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRIs) de emissão de uma sociedade da qual a Combrashop é dona de todas as quotas representativas do seu capital social. Os recursos vão ser usados para comprar as ações da Brookfield.

Após a conclusão da operação, as participações serão as seguintes: Combrashop (50,1%), Iguatemi (16,6%) e BB Premium Malls (33,3%). O Iguatemi também será o administrador do shopping.

Em junho, quando o negócio foi suspenso, a Allos ainda afirmava ter interesse no ativo.

A Combrashop teve assessoria do Safra na compra da fatia da Brookfield e no acordo com o Iguatemi e BB Premium, incluindo a emissão de títulos de CRI.

Para quem decide. Por quem decide.

Saiba antes. Receba o Insight no seu email

Li e concordo com os Termos de Uso e Política de Privacidade

Raquel Brandão

Raquel Brandão

Repórter Exame IN

Jornalista há mais de uma década, foi do Estadão, passando pela coluna do comentarista Celso Ming. Também foi repórter de empresas e bens de consumo no Valor Econômico. Na Exame desde 2022, cobre companhias abertas e bastidores do mercado

Continua após a publicidade
Inter tem novo CEO no Brasil; João Vitor Menin segue CEO global

Inter tem novo CEO no Brasil; João Vitor Menin segue CEO global

A aposta de Bob Iger no futebol — e no novo momento dos esportes femininos

A aposta de Bob Iger no futebol — e no novo momento dos esportes femininos