Invest

Receita Federal libera consulta ao 1º lote do IR 2024 esta semana; veja quem recebe

Karla Mamona

20 de maio de 2024 às 19:35

Foto: Imposto de Renda 2024 (Arte/Exame)

A Receita Federal abre na sexta-feira, 24 de maio, a consulta ao lote residual de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física 2024. A consulta é aberta sempre uma semana antes da data de pagamento, que será no dia 31 de maio.

Foto: (sem legenda) (Joédson Alves/Agência Brasil)

Neste lote, o crédito será para contribuintes que têm prioridade, como idosos, entre 60 e 80 anos, contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave, contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Por fim, contribuintes que não possuem prioridade legal, mas que receberam prioridade por terem utilizado a Declaração Pré-preenchida.

Foto: Imposto de Renda (Reprodução/Divulgação)

Além disso, estão incluídos 900 mil declarantes gaúchos, que foram considerados como prioridade de pagamento. Segundo a Receita Federal, o primeiro lote de restituições do imposto de renda que será pago em 31 de maio trará mais de R$ 1,1 bilhão para o Rio Grande do Sul.

Foto: IMPOSTO DE RENDA 2021 ,Declaração IRPF 2021 (Marcelo Cabral/Agência Brasil)

Como consultar a restituição do Imposto de Renda?

O contribuinte deve acessar o site da Receita Federal para saber se tem acesso ao lote residual da restituição. Basta seguir o passo a passo:

Foto: Brasília - Receita Federal libera o programa da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2016, ano-base 2015 (Marcelo Camargo/Agência Brasil) (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Acesse o site do governo e clique em ‘Imposto de Renda’; Em seguida, clique na aba 'Consultar minha restituição’ Digite o número do seu CPF; Digite a data de nascimento; Selecione o ano em exercício. Neste caso, selecione a opção '2023'.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que possibilita consultar informações sobre liberação das restituições do IR e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

Leia mais