BNDES culpa Wesley Batista por queda das ações da JBS

O banco quer que o presidente da JBS, Wesley Batista, saia do cargo

São Paulo – O Ibovespa operava em alta de 0,29% na manhã desta sexta-feira. Entre os destaques positivos do pregão estão as ações da JBS. O Ministério Público Federal homologou ontem o acordo de leniência da J&F. Em 25 anos, o valor pago pode ultrapassar 20 bilhões de reais. No radar da companhia está a notícia de que o BNDES quer que o presidente da JBS, Wesley Batista, saia do cargo. O banco afirma que ele é o principal responsável pela queda de quase 30% das ações na Bolsa.

Notícias sobre
Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.